Notícias

Triunfo justo em Santa Maria da Feira

CD Feirense - SL Benfica, 0-1 | 2017-03-05 | 11:57

Sport Lisboa e Benfica e CD Feirense disputaram nesta noite de sábado a 24.ª jornada da Liga NOS. Num Estádio Marcolino de Castro em festa, com as bancadas lotadas, o Tricampeão e líder da geral – frente ao 13.º classificado (26 pontos) – e promovido esta época ao escalão principal – rubricou um bom espetáculo de futebol.

Com Nélson Semedo castigado, Grimaldo, Fejsa e Filipe Augusto entregues ao Departamento Médico do Clube, Rui Vitória fez alinhar Ederson na baliza; André Almeida, Luisão, Lindelöf e Eliseu na retaguarda; Samaris, Pizzi, Salvio e Carrillo no meio do terreno, com Zivkovic a surgir nas costas de Mitroglou.

A meta era clara, mais três pontos, com esta partida a ter a particularidade de surgir após a 1.ª mão das meias-finais da Taça de Portugal, e antecedendo a viagem até à Alemanha para a 2.ª mão dos oitavos da Liga dos Campeões…

Apito inicial de Artur Soares Dias e primeiro lance de perigo para os fogaceiros. Karamanos aproveita um deslize de Salvio e remata, com a bola a desviar em Luisão e sair a rasar o poste.

Entrou bem o CD Feirense, equipa que está pela quinta vez no primeiro escalão do futebol português, e luta pela permanência. Ora, as águias não tardaram em reagir, e Zivkovic e Carrillo deram o mote.

Ao minuto 19, grande oportunidade… contra-ataque de 4 para 1, com Salvio a optar pelo lance individual. O remate saiu à figura de Vaná.

O Benfica crescia na partida e, aos 23’, espetacular defesa do guardião da equipa orientada por Nuno Manta. Pizzi cruza de forma viperina, Mitroglou – no coração da pequena área – antecipa-se a Flávio, cabeceia com tudo, mas Vaná voa para a defesa da noite.

Em cima da meia hora de jogo, excelente oportunidade para os anfitriões, mas Luís Machado desperdiça.

Já bem perto do intervalo, o golo do Benfica. Combinação do coletivo, com Pizzi, depois de trabalho de Zivkovic e Carrillo, a “sentar” dois defesas e a atirar para a vantagem em Santa Maria da Feira: 0-1, resultado com que se atingiu o intervalo.

Segunda parte intensa, bem disputada, num jogo aberto, com oportunidades para os dois lados.

Reentrou melhor o Feirense, com Etebo (50’) a rematar para grande defesa de Ederson… Depois, o Benfica carregou, e Mitroglou (56’ e 61’) teve hipóteses de dilatar. Aos 66’, foi a vez de o recém-entrado Cervi testar Vaná.

Emoção até ao apito final e, aos 70’, enorme defesa do guardião brasileiro a segurar a vantagem das águias. Do outro lado, resposta de Salvio, na conclusão de uma jogada espetacular do coletivo, a rematar rasteiro com a bola a rasar o poste.

Até ao final, mais um par de ocasiões… mas a redondinha não quis entrar!

Com este resultado, o Tricampeão mantém a liderança da Liga NOS, agora com 60 pontos (19V3E2D).

O SL Benfica alinhou de início com Ederson, André Almeida, Luisão, Lindelöf, Eliseu, Samaris, Pizzi, Salvio (Jonas, 74’), Carrillo (Cervi, 64’), Zivkovic e Mitroglou (Raúl, 86’).

As atenções centram-se agora na Liga dos Campeões. Em vantagem (1-0), o Tricampeão viaja até à Alemanha – Signal Iduna Park – para defrontar o Borussia Dortmund na 2.ª mão dos oitavos de final da competição. Este desafio está agendado para as 19h45 da próxima quarta-feira.

SA

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica