Football

19 December 2017, 19h20

O treinador do Benfica, Rui Vitória, anteviu o desafio da 2.ª jornada do grupo A da Taça da Liga CTT com o Portimonense, alertando para as virtudes do oponente, mas a pensar na conquista dos três pontos.

“As expectativas são, naturalmente, as melhores. É um jogo frente a uma boa equipa. O Portimonense tem tido bons desempenhos, mas queremos ganhar e estar nesta competição até ao limite. Temos a consciência de que teremos de trabalhar muito, ter um jogo fluído e perceber os perigos que o adversário nos pode causar. Vamos com determinação e convicção para ganhar”, assegurou, em declarações à BTV.

O Benfica vem de uma boa fase – quatro triunfos em cinco jogos na Liga NOS – e quer dar continuidade ao momento com golos e vitórias.

“Estamos a atravessar uma boa fase no processo do nosso jogo. Queremos dominar e controlar a partida, sabendo que o adversário sai bem no contra-ataque, tem jogadores de qualidade e que nos podem causar problemas. Temos de controlar as virtudes do Portimonense e o seu processo ofensivo. A partir daí, sim, sairmos à procura dos nossos golos. Temos de ser - e vamos ser - uma equipa dominante em nossa casa, porque assim tem sido sempre”, afirmou Rui Vitória.

Apesar de os algarvios não somarem qualquer ponto nesta fase da prova, o técnico recusou tirá-los da luta.

A luta é a quatro. Numa competição tão curta, em que os golos podem fazer a diferença, qualquer equipa pode ter aspirações. É fundamental ganhar, porque quem perder nesta jornada fica arredado. Vamos ter de disputar esta fase de grupos até ao limite. O que importa agora é o Portimonense e depois o V. Setúbal. Qualquer equipa está dentro da luta e é errado pensar de outra forma”, avisou.

O Benfica-Portimonense tem início agendado para as 19h15 desta quarta-feira, dia 20, no Estádio da Luz.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Arquivo SL Benfica

Last update: Wednesday, December 20, 2017

We use cookies to improve your browsing experience.
By your continued use of this site you accept our cookie use policy.

Accept