Futebol Olímpico

Primeira participação de atletas do Benfica em Jogos

Nos Jogos Olímpicos de 1928, o Benfica pôde ver os seus atletas representarem Portugal pela primeira vez. Foram três, todos eles de futebol: os avançados Vítor Silva e Jorge Tavares e o médio Raul de Figueiredo. Foram os próprios que se inscreveram, através de folhas de inscrição individuais que foram, posteriormente, submetidas a avaliação e aprovação.

Brochura do Estádio Olímpico de Amesterdão
Arquivo do Comité Olímpico de Portugal



A equipa de futebol enfrentou o Chile na pré-eliminatória (V 4-2) e foi Vítor Silva que iniciou a recuperação de Portugal, aos 38 minutos, fazendo o 1-2. Nos oitavos de final defrontaram o Reino da Jugoslávia (V 2-1), pertencendo o primeiro golo a Vítor Silva. Nos quartos de final, o jogo frente ao Egipto (D 1-2) levou à eliminação lusa, tendo Vítor Silva marcado o tento de honra português aos 76 minutos.

Postal da entrada em campo da equipa de Portugal no jogo com o Chile, a 27 de maio de 1928
Coleção Museu Nacional do Desporto



O avançado benfiquista Vítor Silva, de 19 anos, destacou-se por ter sido o português mais novo a entrar em campo e por ter sido o melhor marcador da comitiva portuguesa. Teve vários golos invalidados, algumas vezes injustamente, sobretudo no polémico jogo frente ao Egipto que deitou por terra a esperança dos futebolistas portugueses de se aproximarem das meias-finais.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar