Andebol

07 outubro 2017, 19h45

A vitória do Benfica frente ao Gwardia Opole não foi fácil, mas possível devido à qualidade individual e colectiva da equipa benfiquista, que conseguiu superar as dificuldades iniciais. Dificuldades que, aliás, foram reconhecidas por Pedro Vieira, treinador-adjunto do Benfica.

“O início do encontro foi difícil, mas corrigimos algumas coisas e solidificámos progressivamente o nosso jogo. Com um bocadinho de sorte, podíamos ter conseguido uma vantagem um pouco melhor na parte final. Houve uma bola do Pedro Seabra em cima da linha, por exemplo”, disse o técnico adjunto do Benfica.

FASE DE GRUPOS À VISTA

A vantagem de quatro golos que as “águias” levam para o jogo da segunda mão é uma conforto mas não vai dissuadir a equipa de lutar por uma nova vitória.

“Ter quatro golos de vantagem não significa nada no andebol, mas estamos confiantes para a 2.ª mão e para passar esta eliminatória. Quero aproveitar para agradecer o apoio dos nossos adeptos. Esta vitória é para eles”, afirmou Pedro Vieira.

Texto José Marinho

Última atualização: 7 de outubro de 2017

Patrocinadores Andebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar