12 de abril de 2019, 18h27

Luís Tralhão: “Vai ser um jogo de grau elevado”

Futebol

O Benfica recebe o Estoril Praia (sábado, às 11h00) em jogo da 7.ª jornada da fase de apuramento de campeão da Liga Revelação.

Após uma semana de paragem, o Benfica está de regresso à Liga Revelação com receção ao Estoril Praia (sábado, às 11h00, no Caixa Futebol Campus) em jogo da 7.ª jornada da fase de apuramento de campeão.

O treinador Luís Tralhão alerta para a “experiência” de um adversário que costuma integrar na equipa alguns jogadores do plantel principal, “um fator de motivação” para os encarnados.

“Nunca sabemos quem poderá vir jogar por eles, mas há um núcleo muito grande que tem jogado os jogos todos. A base há de ser a mesma, mas, claro, se vierem esses jogadores dá-lhes mais maturidade e mais qualidade, mas nós estamos preparados para isso. Creio que o jogo vai ser muito equilibrado, como têm sido os vários jogos desta Liga principalmente contra o Estoril”, analisou o treinador da equipa de Sub-23 do Benfica em declarações à BTV.

O Estoril Praia ocupa o 4.º lugar da tabela classificativa com 32 pontos, tendo alcançado apenas uma vitória nesta fase, precisamente frente ao conjunto encarnado (1-0). Do outro lado, um Benfica que procura chegar ao primeiro triunfo nesta fase, após ter ocupado, durante algum tempo, a liderança da competição.

“Fizemos três jogos, os três foram decididos pela margem mínima, o que espelha o equilíbrio. Jogar contra jogadores mais experientes também é um fator de motivação para nós”, recordou Luís Tralhão, acrescentando ainda que “vai ser um jogo de grau elevado, como têm sido todos”.

Jorginho

Jorginho perdeu grande parte da época a recuperar de uma lesão que o afastou dos relvados. O defesa de 20 anos garante que o Benfica tem “tudo para ganhar este jogo”.

“É uma Liga muito competitiva, onde dá para todos os jogadores jogarem – os que não jogam na equipa B, os que precisam de minutos nos Sub-23. Todos os jogos são competitivos e isso permite não baixar o nível da equipa”, afirmou.

A Federação Portuguesa de Futebol anunciou, entretanto, a criação da Taça Revelação para as equipas do campeonato de Sub-23. Uma competição que “está no pensamento” da formação encarnada, que não tem ainda como foco a prova que se disputa a partir de maio.

“Está no pensamento, como é óbvio, mas, para nós lá chegarmos bem, temos de jogar bem os próximos jogos que temos pela frente. Os próximos jogos são fundamentais para consolidarmos aquilo que andamos a fazer: integrar novos jogadores neste processo e prepará-los para o futuro”, explicou o técnico Luís Tralhão.

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar