6 de junho de 2019, 23h52

Benfica vence Sporting e iguala final do play-off

Futsal

Jogo 3 está marcado para as 16h15 de domingo (dia 9 de junho), no Pavilhão Fidelidade. 

Está tudo em aberto na final do play-off do Campeonato Nacional de futsal. O Benfica foi ao Pavilhão João Rocha vencer o Sporting (3-6) no segundo jogo e deixou a eliminatória empatada. No domingo (dia 9) há novo dérbi. 

RESUMO DO JOGO

Foi dos pés de Tolrà que saiu a primeira ameaça de golo de um Benfica à procura do empate na eliminatória, depois de os leões se terem colocado em vantagem com um triunfo por 4-5 no Pavilhão Fidelidade. 

Respondeu o Sporting com um remate de Cardinal. Roncaglio deixou escapar a bola que acabou por bater no poste.

[GOLO: 1-0] Depois de uma primeira ameaça, o Sporting inaugurou o marcador. Dieguinho, aos 4', rematou após assistência de Merlim e colocou os leões na frente. 

Após algumas paragens para assistir primeiro Roncaglio e depois Cardinal, Fábio Cecílio teve o golo da igualdade nos pés. Estava atento Guitta que, seguro, impediu que a bola entrasse. Na recarga, o camisola 5 do Benfica atirou ao poste. 

Atingida a primeira metade do primeiro tempo (10'), o Sporting contava três faltas cometidas contra duas do Benfica, numa altura em que as oportunidades se iam dividindo. Iam valendo as intervenções dos guarda-redes...

[INTERVALO: 1-0] Estatística geral: 23 remates do Benfica (8 deles enquadrados) contra 13 dos leões (5 à baliza). Apesar das oportunidades da formação encarnada a fechar os últimos minutos da primeira parte – primeiro por Robinho e depois com Roncaglio a tentar surpreender de muito longe –, o Sporting recolhia ao balneário com a vantagem mínima. 

RESUMO DA 1.ª PARTE

A abrir a segunda parte, não fosse a "muralha" Guitta, Chaguinha, que obrigou o guardião adversário a aplicar-se, tinha assinado o golo do empate logo no primeiro minuto. 

[GOLO: 1-1] O Benfica ia insistindo na procura da igualdade e o golo chegou aos 25'. A segunda falta do Sporting no segundo tempo valeu um cartão amarelo a Cavinato e, na sequência do livre direto, André Coelho disparou a contar. Estava feito o 1-1 e o 21.º da conta pessoal do camisola 4 encarnado na competição. 

[GOLO: 1-2] Dois minutos depois (27') estava assinada a reviravolta na casa do adversário. Fábio Cecílio atirou do meio da rua, com a bola a passar pelo meio das pernas de Guitta, e catapultou o Benfica para a frente do marcador

[GOLO: 1-3] Foi um Benfica a controlar a partida e com mais posse de bola que chegou ao terceiro golo da noite (34’). A formação encarnada surpreendeu em cinco para quatro e Robinho rematou certeiro para o 1-3.

O conjunto de Nuno Dias apostou no guarda-redes avançado e, aos 34’, quase sofreu de baliza a baliza. Não foi nesse lance, mas foi no seguinte.

[GOLO: 1-4] Fábio Cecílio aproveitou uma recuperação de bola e, com a baliza deserta, atirou a contar.

[GOLO: 2-4] O Sporting insistiu no cinco para quatro e, após passe de Merlim, Cavinato reduziu a desvantagem dos leões. 

[GOLO: 3-4] Aos 37', Cavinato, novamente, relançava o encontro, deixando o Sporting a um golo do empate.   

[GOLO: 3-5] A apenas 57 segundos do final da partida, Rongaglio, de uma baliza à outra, voltava a deixar os encarnados com uma vantagem confortável.     

[GOLO: 3-6] Mesmo em cima do soar da buzina, Bruno Coelho atirou à baliza deserta dos leões e fechou as contas.

Com uma diferença de três golos no segundo dérbi da eliminatória, o Benfica deixa a final do play-off do Campeonato Nacional de futsal – disputada à melhor de cinco jogos – empatada (1-1). No domingo (9 de junho, às 16h15) há novo dérbi no Pavilhão Fidelidade e os bilhetes estão à venda a partir desta sexta-feira

Cinco inicial do Benfica: Roncaglio, Tolrà, Robinho, Bruno Coelho e Chaguinha.

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: Cátia Luís / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar