1 de dezembro de 2018, 17h19

Golo ao cair do pano coloca justiça no jogo

Futebol

Os Juniores ultrapassaram o Marítimo com um golo nos descontos. Desta forma, cimentam a liderança da classificação da primeira fase da Zona Sul do Campeonato Nacional.

A equipa de Juniores do Benfica venceu, este sábado, no Caixa Futebol Campus, o Marítimo, por 1-0, em jogo da 14.ª jornada da primeira fase da Zona Sul do Campeonato Nacional. O tento surgiu aos 90’+5’, através de Alexandre Penetra.

RESUMO DO JOGO

A falta de policiamento no recinto atrasou o início do jogo em 15 minutos, face à hora previamente marcada (15h00). Desde o primeiro minuto que os comandados por Renato Paiva se apresentaram no relvado com as linhas subidas no terreno e a exercerem pressão alta sobre a linha mais recuada do Marítimo.

Com tanta posse de bola, o surgimento de oportunidades seria uma questão de tempo. A primeira intervenção do guarda-redes Miguel Dias apareceu aos 13’, após remate do meio da rua de Alexandre Penetra.

O ritmo de jogo, face ao apresentado nos primeiros minutos, baixou, mas o Benfica não perdeu a sua identidade e tentou sempre arranjar espaços com a exploração dos três corredores: direito, esquerdo e central.

Aos 27’, João Ferreira, com uma incursão pela direita, levou perigo à baliza insular, mas ninguém conseguiu rematar para golo. Aos 40’, Tiago Araújo entrou para o lugar do lesionado Hugo Nunes.

Nuno Cunha, aos 42’, trabalhou bem e rematou de pronto. O esférico passou a centímetros da baliza defendida por Miguel Dias. Uma vez mais, os Juniores do Benfica perto de inaugurar o marcador.

RESUMO DA 1.ª PARTE

No reatamento, o Marítimo mostrou-se mais afoito, tentando aproximar-se com perigo da baliza de Carlos dos Santos. Com o nulo no marcador, Renato Paiva mexeu na equipa aos 55’, dando-lhe maior cariz ofensivo. Entraram na partida Ronaldo Camará e Luís Lopes. Segundos depois, Luís Lopes mostrou logo ao que ia, com um cabeceamento para defesa de Miguel Dias.

Aos 61’, Jefersson, dentro da área, rematou ao lado da baliza benfiquista. Perigo para as águias! Este lance acabou por ser isolado, pois o Benfica rapidamente se acercou da área verde-rubra com maior pressão. Tal situação quase deu golo aos 70’. Oferta da defesa do Marítimo e Ricardo Matos a atirar ao poste.

A pressão era cada vez maior e aos 75’, após boa jogada de envolvimento, Jair rematou para defesa por instinto de Miguel Dias. O Marítimo respondeu por Jefersson. Carlos dos Santos sacudiu para canto.

Nos descontos, aos 90’+3’, João Ferreira foi derrubado na área e o árbitro assinalou grande penalidade.

[GOLO: 1-0] Aos 90’+5’, na marca dos 11 metros, Alexandre Penetra não tremeu e colocou o resultado num justo 1-0.

Onze inicial do Benfica: Carlos dos Santos; João Ferreira, Alexandre Penetra, Pedro Ganchas, Nuno Tavares; Diogo Capitão, Francisco Saldanha, Nuno Cunha; Jair, Hugo Nunes e Ricardo Matos. 

Suplentes: Celton Biai, Luís Pinheiro, Bernardo Silva, Ronaldo Camará, Gonçalo Ramos, Luís Lopes e Tiago Araújo.

Os Juniores do Benfica mantêm-se líderes isolados e invictos na classificação, com 40 pontos. O próximo embate é com o AEK na derradeira jornada da fase de grupos da UEFA Youth League.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar