21 de outubro de 2019, 13h08

Raio-X: adversários da FIBA Europe Cup

Basquetebol

O basquetebol masculino realiza o primeiro jogo da competição europeia nesta quarta-feira, na Luz.

O Sport Lisboa e Benfica vai participar na fase regular da FIBA Europe Cup, na qual vão estar presentes quatro equipas por grupo, num total de oito agrupamentos. Os encarnados fazem parte do grupo A, juntamente com o Inter Bratislava, o Pécsi VSK-Veolia e o ZZ Leiden.

Entre 23 de outubro e 27 de novembro, as águias têm pela frente 11 partidas, entre a competição europeia e a Liga Portuguesa de Basquetebol. Com viagens pelo meio, a equipa comandada por Carlos Lisboa, que tem um plantel composto por 12 atletas, vai enfrentar um desgaste significativo, especialmente a nível físico. O primeiro embate é diante do ZZ Leiden e marca o começo deste período bem intenso. A poucos dias da estreia na prova é realizada uma análise aos adversários do Benfica na FIBA Europe Cup 2019/20.

Adversários

ZZ Leiden (Holanda)

Depois de ter eliminado o Groningen na qualificação da Liga dos Campeões, o SL Benfica volta a encontrar uma formação holandesa pela frente. Trata-se do ZZ Leiden, conjunto que teve de disputar a fase de qualificação da FIBA Europe Cup, eliminando os búlgaros do BK Beroe, na segunda ronda, por 179-172, no conjunto das duas mãos.

Em relação a este embate existe uma curiosidade. No ano passado, tanto os encarnados como os holandeses foram eliminados desta competição pelo mesmo adversário. O Dínamo Sassari (Itália) levou a melhor sobre as águias ainda na fase de qualificação e sobre o ZZ Leiden nos 16 avos-de-final. Os italianos viriam a conquistar o troféu, vencendo os alemães do Würzburg na final.

Esta época, nas provas internas, o saldo é positivo, registando quatro vitórias no mesmo número de encontros, o que lhes permite serem líderes da tabela classificativa. As atenções vão estar focadas, a nível individual, no americano William Jarvis que tem uma média de 21 pontos por jogo. Destaque ainda para mais dois basquetebolistas: Taylor Persons, de nacionalidade americana, e Worthy de Jong, internacional holandês que, para além de serem dos atletas mais utilizados, são também dois dos mais concretizadores.

O SL Benfica-ZZ Leiden é já nesta quarta-feira, dia 23, pelas 17h30, no Pavilhão Fidelidade. O bilhetes estão à venda! A 13 de novembro, as duas equipas reencontram-se na Holanda.

Adversários

Pécsi VSK-Veolia (Hungria)

O segundo jogo dos encarnados será frente ao Pécsi VSK-Veolia, no próximo dia 29 de outubro, às 19h00. O encontro na Luz está agendado para às 21h00 do dia 19 de novembro.  Os húngaros vêm de três vitórias para o campeonato, sendo que uma delas foi diante de um dos principais rivais na luta pelo título, o Alba Fehervar, por 91-86. Com estes resultados, encontram-se em 2.º lugar com menos uma partida disputada que o líder.

À semelhança do ZZ Leiden, os americanos que compõem a equipa são decisivos: Quincy Diggs e C.J Aiken são duas das caras novas para esta temporada e foram apostas certas. O primeiro tem sido uma das principais dores de cabeça para os treinadores adversários, sendo o melhor marcador e o mais utilizado. O segundo é habitual titular e um dos extremos com maior eficácia no lançamento. Para além destes dois atletas, existe ainda mais um americano no plantel, Cristopher Smith, que, apesar de não ter o mesmo protagonismo que os restantes, é um suplente que contabiliza muitos minutos. Dos jogadores, que já estavam integrados no ano passado, Vejko Budimir, é o que mais se tem destacado na presente temporada, sendo o terceiro desportista com mais tempo de jogo.

O Pécsi VSK-Veolia procurou reforçar-se, no seu regresso às competições europeias, depois de ter terminado a última época desportiva no 3.º lugar do campeonato.

Adversários

Inter Bratislava (Eslováquia)

O SL Benfica recebe o Inter Bratislava no dia 6 de novembro, às 21h30, no Pavilhão Fidelidade. Os dois conjuntos voltam a encontrar-se na última jornada, no dia 27, na Eslováquia.

A formação eslovaca também marcou presença nas rondas de qualificação para a Liga dos Campeões de Basquetebol. Contrariamente aos encarnados, que foram afastados na 2.ª ronda de qualificação, os campeões nacionais do seu país foram eliminados logo na primeira ronda pelo Fribourg Olympic, por 151-132, no total das duas mãos. Uma eliminatória onde sobressaíram Sterling Gibbs com 26 pontos, Lee Skinner com 25, Michal Fusek com 24 e Michal Batka com 22.  No total, concretizaram 97 dos 151 pontos conseguidos frente aos suíços.

Os quatro basquetebolistas têm rubricado excelentes exibições, não só nestes jogos das competições europeias, como no campeonato, o que lhes permitiu fazer parte do núcleo duro do treinador.

Este coletivo é, dos oponentes do Benfica na prova, o que conta com mais internacionais pelo seu país. Michal Batka, Michal Fusek, Mario Ihring, David Abraham e Dalibor Hiivak são os cinco atletas que integram habitualmente as convocatórias para a seleção nacional.

A nível interno, o Inter Bratislava é líder isolado na tabela classificativa com cinco vitórias em outros tantos desafios.

Fotos: FIBA Europe Cup

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar