18 de março de 2020, 14h02

🎥 Diogo Rafael: "Responsabilidade individual e social"

Hóquei em Patins

O jogador de hóquei em patins do Benfica vincou bem a importância de ficar em casa tendo em conta a gravidade da situação que se vive atualmente.

MENSAGEM

Com o País e o mundo em alerta com a propagação do vírus COVID-19, são vários os atletas que fazem questão de partilhar mensagens de alerta, força e esperança. Diogo Rafael, hoquista do Benficadeixou um apelo a todos, sem exceção.

"Creio que ao início não estávamos preparados para aquilo que está a acontecer. Só depois de vermos o que aconteceu em Itália é que começámos a ter mais consciência da gravidade da situação. Creio que é necessário tomar uma medida drástica para que possamos resolver este assunto. Tive oportunidade de falar com os meus familiares mais próximos, para os alertar e para que tomem consciência do problema que é. É importante ter responsabilidade individual e social para que este problema não se alastre", salientou.

As questões físicas e nutricionais também são um tema importante, numa altura em que as competições estão paradas e grande parte das pessoas se encontra nas suas casas.

"Felizmente temos um gabinete de fisiologia, que nos preparou um plano de treino para podermos efetuar em casa. Obviamente que não era o plano que queríamos, mas, face às condições que temos, também é importante não estarmos sem atividade física. Muitos exercícios são à base da estrutura corporal, ou seja, movimentos de salto, abdominal, flexões... e depois depende de cada um, se tem a oportunidade de ter pesos consigo para acrescentar alguma carga a esse tipo de exercícios", explicou.

"A nossa nutricionista também nos enviou um plano, onde basicamente refere que é importante baixarmos a quantidade de alimentos, ou de porções que ingerimos durante o dia, tendo em conta que não estamos num regime de treino e competição. É importante ter consciência que não podemos ter uma alimentação normal", vincou.

Diogo Rafael terminou a sua mensagem de força, apelando a todas as pessoas para que se resguardem e se mantenham em casa. 

"É importante resguardarmo-nos e ficarmos em casa, para que possamos o mais rapidamente possível voltar à nossa vida. Deixo um apelo a todos, sem exceção: fiquem em casa e saiam apenas para fazer as compras essenciais. Aproveitem para descansar, para estar com a família e evitem grandes aglomerados, para que, em breve, possamos estar todos juntos", finalizou.

Texto: Diogo Nascimento

Fotos: SL Benfica

PATROCINADORES MODALIDADES


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar