Casas Benfica

16 julho 2021, 11h37

Programa "Pelas Casas do Benfica"

REPORTAGEM BTV

Esta semana, o programa da BTV "Pelas Casas do Benfica" visitou, virtualmente, o braço-armado do Clube em Penacova. 

A Casa Benfica Penacova nasceu da ida de quatro amigos ao Estádio da Luz, em noite de Liga dos Campeões. Pedro Assunção (na imagem abaixo), sócio fundador da embaixada n.º 221 do Clube, recorda o episódio de dezembro de 1998: "Fomos ver um jogo para as competições europeias e pensámos em criar uma Casa. Vimos as bandeiras de outras Casas e quisemos uma. Falámos com as pessoas mais influentes daqui, explicámos como haveríamos de o fazer e iniciámos a caminhada. No dia 19 de maio de 2002 fizemos um jantar com cerca de 850 pessoas para angariar fundos para a construção da Casa e para criarmos a Direção. Foi tudo ali para não perdermos tempo."

"Pelo número de Sócios e Benfiquistas que estavam do nosso lado, saberíamos que seria um sucesso. O senhor Fernando Mesquita, o primeiro presidente da Casa, foi muito importante e contribuiu muito para o desenvolvimento da Casa. Tenho a certeza que esta embaixada nunca morrerá", confessa.

Casa Benfica Penacova

Armando "Benfica" (na imagem abaixo), também ele sócio fundador Casa em Penacova, organizava as excursões à Catedral e conheceu quase todos os dirigentes do Benfica, desde 1952. Figura emblemática da embaixada, revive a noite do jantar da primeira reunião, em retrospetiva: "Quando começámos, isto parecia uma romaria, chegámos a juntar 800 pessoas num jantar. De vez em quando ainda juntamos cerca de 200 pessoas, o que agora é impossível por causa da pandemia."

Casa Benfica Penacova

Atualmente, a Casa Benfica Penacova é afamada pela modalidade do bilhar.

"Nós fomos os pioneiros do bilhar. Somos talvez a equipa com mais notoriedade, mas também jogamos há mais tempo e temos atletas mais experientes. Um dos nossos atletas, chamamos-lhe 'o velhote', tem 61 anos e já foi várias vezes campeão distrital. Enquanto houver vista e as mãos não tremerem, podem jogar", aponta Cláudio Baptista, coordenador da modalidade, em tom de brincadeira. 

"Temos também um rapaz que, se quiser, pode ser o Cristiano Ronaldo do bilhar. É o André, fez 19 anos há pouco tempo, joga desde novo e é um prodígio", acrescenta.

"Durante a pandemia não pudemos ter a nossa Casa aberta, nem o bilhar a funcionar, que é a nossa maior fonte de receita. Se não fosse o esforço dos nossos atletas, teríamos passado um mau bocado", nota o presidente da Casa, Arsénio Gomes (na imagem abaixo), que sublinha ainda o apoio do Município durante esta fase. 

Casa Benfica Penacova

Modalidades à parte, o braço-armado do Clube é um espaço carismático onde, segundo o presidente, "se encontra sempre boa-disposição da malta toda."

"Não temos um restaurante, mas temos um bar onde ao domingo de manhã vem aqui muita gente comer as nossas bifanas antes de ir à missa", gracejou.

Em relação ao futuro, o secretário Marco Canelas indica que na Casa Benfica Penacova vão "pegar num tema muito importante, os Sócios". "O nosso sonho é darmos uma nova imagem à Casa", revelou ainda, tendo em mente o projeto Casas 2.0.

Texto: Rafaela Certã Alves
Fotos: SL Benfica
Última atualização: 23 de julho de 2021

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar