Voleibol

10 outubro 2021, 18h23

Festejos da equipa

RESUMO DO JOGO

Tarde de clássico no Pavilhão n.º 2 da Luz! Benfica e Fonte do Bastardo mediram forças no encontro da 3.ª ronda da 1.ª fase do Campeonato Nacional de voleibol. Jogo intenso, decidido após 5 sets e 2h30 de disputa: 3-2, triunfo justo!

Foi com uma entrada autoritária na prova frente ao Clube K que o Benfica iniciou a defesa do título de Campeão Nacional. Em fim de semana de jornada dupla, e na antecâmara da 2.ª mão da 1.ª ronda de qualificação da Liga dos Campeões com a receção ao Bigbank Tartu, a formação comandada por Marcel Matz teve prova de fogo neste domingo.

Frente a frente Benfica e Fonte do Bastardo, um duelo que é já um clássico na modalidade, um encontro habitualmente repleto de competitividade, intensidade, qualidade e emoção. Antes, nota para a entrega, por parte do presidente da Casa Benfica Ilha Terceira, da taça referente à conquista do Campeonato Nacional 2020/21 à nossa equipa! Um momento muito saudado!

Voleibol

Entrou melhor a formação adversária, com os da Ilha Terceira a colocarem-se de pronto na dianteira, perante as águias que apresentavam dificuldades em suster o side out do outro lado da rede, assente num serviço poderoso em suspensão. Algumas falhas no serviço e na receção e, com 5-9, Marcel Matz parou o encontro para reorganizar as tropas. A correr atrás do prejuízo, o Benfica tardou em encontrar-se e nova paragem do técnico aos 7-14. Apesar dos esforços, das mudanças táticas e das muitas substituições em busca de novas opções por parte do Benfica, a Fonte do Bastardo não vacilou e venceu com mérito o 1.º set: 14-25 (0-1 no jogo).

Voleibol

Era preciso reagir de pronto… e assim foi! O Benfica acelerou, começou a acertar no serviço, com André Lopes e Peter Wohlfi a darem o mote, causando mossa no outro lado, e os pontos começaram também a surgir naturalmente (7-3). Ora, a formação da Praia da Vitória respondeu, mostrou que vinha à Luz com ambição e reentrou no set (8-8). Até ao final, muito equilíbrio, sem que nenhuma das formações se conseguisse distanciar, mas com os encarnados a segurarem a curta distância e, já nas vantagens, a empatarem o encontro a 1-1, com 27-25 no parcial.

Voleibol

E que grande 3.º set teríamos! Pautado pelo equilíbrio desde o ponto inicial, com alternâncias sucessivas, as duas equipas entregaram-se em quadra e, não obstante se jogar mais com o coração do que com a cabeça, com muitos erros, não faltou espetáculo na Luz! Ganhou o Benfica, por 25-23, concretizando a reviravolta no jogo (2-1).

Voleibol

Reação do outro lado da rede! Início taco a taco, com os açorianos a cavarem uma vantagem de quatro pontos (11-15), aproveitando algum desacerto dos encarnados. Na reta final o Benfica reagiu com tudo, foi-se aproximando, com Zelão em destaque, e tudo empatado aos 20 pontos. E as águias mereciam melhor sorte, contudo, maior assertividade e eficácia dos açorianos fez a diferença: 2-2 no jogo, após um 21-25

Voleibol

Decisões na negra... e que jogo! Muita emoção, disputa, com as bancadas do Pavilhão n.º 2, onde também esteve o Presidente Rui Costa, a carregarem o Benfica e a serem fundamentais na vitória! Na quadra, os atletas responderam e o marcador final foi sintomático: 3-2, com 15-12 no parcial.

Voleibol

Na próxima jornada da 1.ª fase do Campeonato Nacional, a 4.ª, as águias recebem o SC Espinho, uma partida marcada para as 18h30 de sábado, 16 de outubro, no Pavilhão da Luz. Antes, atenções centradas nas competições europeias… Depois do triunfo por 1-3 na Estónia frente ao Bigbank Tartu, a segunda mão da ronda 1 da fase de qualificação para a fase de grupos da Liga dos Campeões disputa-se na próxima quarta-feira, dia 13 de outubro, às 20h00, no Pavilhão n.º 2 da Luz.

Voleibol

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): "Jogo muito competitivo frente a uma equipa muito forte e que tem objetivos parecidos com os nossos, isto é, chegar às finais e disputar títulos. É uma equipa bem montada, organizada e com várias opções, com uma espinha dorsal definida. Jogaram bem, colocaram-nos em situações complicadas, mas respondemos bem. Os centrais, Zelão e Peter, estiveram muito bem, pontuaram muito. Foi um jogo de suor e muito disputado! Fomos melhores na negra e merecemos a vitória."

Voleibol

Benfica-Fonte do Bastardo
3-2
Pavilhão n.º 2 da Luz
Formação inicial do Benfica
 Tiago Violas, Ivo Casas (L), André Lopes, Japa, Zelão, Peter Wohlfi e Hugo Gaspar
Suplentes
Rapha, Bernardo Silva (L), Bernardo Westermann, Pablo Natan, Aaro Nikula, Lucas França e Eduardo Brito 
1.º set 2.º set 3.º set 4.º set 5.º set
14-25 27-25 25-23 21-25 15-12

Texto: Sónia Antunes
Fotos: Isabel Cutileiro / SL Benfica
Última atualização: 10 de outubro de 2021

Patrocinadores Voleibol


Relacionadas

Futebol

Presidente Rui Costa: conferência de Imprensa

Na Sala de Imprensa do Estádio Nacional, o Presidente do Sport Lisboa e Benfica, Rui Costa, falou detalhadamente sobre os contornos singulares do desafio B SAD-Benfica, da 12.ª jornada da Liga Bwin, um jogo que o árbitro Manuel Mota deu por terminado ao minuto 48, porque a equipa da casa não tinha um mínimo de sete jogadores em campo.

Futebol

Juvenis B visitaram Casa São Francisco de Assis

A equipa de Juvenis B do Benfica visitou na manhã deste sábado, 27 de novembro, a Casa São Francisco de Assis (Casa do Gaiato), onde fez uma doação de vestuário e de uma bola autografada por todos os elementos. A iniciativa está inserida no projeto "Ligação à Comunidade", sendo que atletas como Francisco Neto e Diogo Rocha, acompanhados por Rita Ferreira, do Departamento de Formação Pessoal e Social, e o psicólogo Ricardo Esteves, tiveram oportunidade de conviver e trocar experiências com utentes da instituição.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar