Natação

20 abril 2022, 16h51

Miguel Nascimento e Diogo Ribeiro

Diogo Ribeiro e Miguel Nascimento, nadadores do Benfica, estiveram em destaque no Open da Dinamarca, que decorreu entre 15 e 19 de abril, em Copenhaga. Diogo Ribeiro bateu o recorde de Portugal absoluto dos 50 e 100 metros mariposa, vencendo as finais A. Miguel Nascimento também saiu vitorioso na final A dos 50 metros livres, ficando em segundo lugar nos 50 e 100 metros mariposa.

O júnior do Benfica venceu os 50 metros mariposa em 23,28 segundos, batendo o recorde nacional absoluto que estava em sua posse desde o passado 3 de abril, enquanto Miguel Nascimento ficou no segundo lugar com 23,49 segundos. Nos 100 metros mariposa Diogo Ribeiro terminou a prova com 52,31 segundos, superando de novo o colega encarnado Miguel Nascimento, segundo classificado com um recorde pessoal de 52,96 segundos. Diogo Ribeiro conseguiu melhorar o tempo pertencente a Diogo Orvalho, fixado nos 52,42 segundos em 2009.

Acrescente-se que Diogo Ribeiro também venceu a final A dos 100 metros livres com 49,16 segundos, prova onde se superiorizou novamente a Miguel Nascimento, segundo classificado com 49,55 segundos. O terceiro posto foi para o dinamarquês Mathias Rysgaard, com 49,67 segundos. Diogo Ribeiro é recordista nacional absoluto dos 100 metros livres com 48,72 segundos, marca obtida a 31 de março em Coimbra, nos campeonatos nacionais.

Miguel Nascimento

Refira-se igualmente que, na sexta-feira, 15 de abril, Miguel Nascimento venceu a final A dos 50 metros livres com 22,20 segundos, prova em que Diogo Ribeiro ficou na segunda posição com 22,44 segundos. Diga-se que o recorde nacional na distância é do próprio Miguel Nascimento com 22,16 segundos.

Texto: Redação
Fotos: FPN
Última atualização: 20 de abril de 2022

Patrocinador Benfica Olímpico


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar