7 de novembro de 2020, 19h22

Liderança reforçada! 

Voleibol

Ultrapassado o Castêlo da Maia (0-3), o Benfica joga com a Fonte do Bastardo na próxima ronda do Campeonato Nacional de voleibol. 

RESUMO DO JOGO

Benfica venceu, neste sábado, na casa do Castêlo da Maia (0-3), o desafio da 12.ª jornada do Campeonato Nacional de voleibol masculino, e reforçou a posição de líder isolado. 

Primeiro set muito equilibrado, com as duas equipas a quererem comandar no Pavilhão Castêlo da Maia GC. Com o aproximar do fecho do primeiro parcial, a formação da casa saltou para a liderança (22-21), deixando o alerta aos encarnados, que acabaram por conseguir virar o set a seu favor (23-25) e colocar-se em vantagem no jogo (0-1). 

De regresso à quadra, o conjunto liderado por Marcel Matz não deu hipótese... Implacável, cavou cedo uma confortável distância no placard (3-15) e, com naturalidade, chegou ao 0-2, depois de fechar o segundo parcial em 9-25.

Perante um Castêlo da Maia que cresceu no 3.º set, o Benfica viu o cartão vermelho, numa altura em que estava a apenas um ponto de fechar o jogo (18-24). Um ponto atribuído à formação da casa, insuficiente, no entanto, para prolongar a decisão do encontro (21-25). Vitória incontestável do Benfica e liderança reforçada!

Na próxima jornada, o Benfica recebe a Fonte do Bastardo, num desafio marcado para o dia 15 de novembro (domingo).

DECLARAÇÕES

voleibol

Marcel Matz (treinador do Benfica): "Quero valorizar a postura do Castêlo da Maia. Parabéns pelo 1.º set, lutaram, equilibraram e colocaram-nos dificuldades. As coisas inverteram-se depois nos 2.º e 3.º sets, apesar de, no final, termos baixado um pouco. O importante é a conquista dos três pontos, sabíamos que era complicado, mas conseguimos fazer um bom jogo. Mais uma vitória e agora é seguir com o trabalho. Estamos a trabalhar dia a dia, a pensar no próximo jogo. Os planos a médio e longo prazo são complicados de fazer. Temos de estar preparados para tudo."

Castêlo da Maia-Benfica, 0-3

FICHA  
Local Pavilhão Castêlo da Maia GC
Formação inicial do Benfica Raphael Oliveira, André Lopes, Theo Lopes, Zelão, Nuno Pinheiro, Ivo Casas (L) e Marc Honoré
Suplentes Bernardo Silva (L), Peter Wohlfahrtstätter, Hugo Gaspar (C), Afonso Guerreiro, Miguel Sinfrónio, Flávio Soares, Tiago Violas e Japa
1.º set 23-25
2.º set 9-25
3.º set 21-25

Texto: Filipa Fernandes Garcia e Sónia Antunes

Fotos: Arquivo / SL Benfica


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar