Hóquei em Patins

09 dezembro 2021, 21h52

Festejos da equipa de hóquei em patins

RESUMO DO JOGO

Benfica e Sporting discutiram, nesta noite de quinta-feira, no Pavilhão Fidelidade, o dérbi da 12.ª jornada da 1.ª fase do Campeonato Nacional de hóquei em patins. Triunfo justo para as águias (4-3), num encontro disputado, intenso e impróprio para cardíacos.

Noite de dérbi, o primeiro de hóquei em patins masculino nesta época! Com dez pontos a separar as equipas à partida (Sporting, em 2.º lugar, com um jogo a mais e 28 pontos somados), o Benfica tem vindo a fazer uma caminhada de recuperação, sendo que nas 10 jornadas disputadas até então a equipa encarnada registava seis vitórias e quatro derrotas, tendo ganho os três últimos jogos da competição nacional (18 pontos averbados, no 7.º lugar).

Início de jogo pautado pelo equilíbrio, duas formações a mostrarem muito respeito entre si e algumas cautelas, com ambas a apostarem no ataque pela certa, tornando este um desafio muito tático e com poucos rasgos.

Dez minutos volvidos, muita intensidade, jogo veloz sem grandes paragens e quase sem tempo para se respirar… mas sem golos, apesar das oportunidades criadas em ambas as balizas!

Diogo Rafael, aos 15', após enorme trabalho de Pol Manrubia, teve oportunidade soberana, mas Ângelo Girão impôs-se e negou o golo às águias.

Derbi Hoquei em Patins

Com o decorrer dos minutos, e sem desbloquear o marcador, as equipas mostraram-se mais impetuosas em quadra, aumentando a disputa e a espetacularidade num dérbi onde já cheirava a golo…

Com 20' jogados, livre a castigar o cartão azul de Romero após falta sobre Nicolía, que se isolava, mas Lucas Ordoñez, no duelo com Girão, perdeu mais uma grande oportunidade. Em superioridade numérica, aos 23', e numa jogada de enorme paciência, finalmente o golo dos encarnados, com Gonçalo Pinto a marcar (1-0), após assistência de Diogo Rafael.

Bola ao centro, o Sporting a carregar, contra-ataque rápido e Gonçalo Pinto recuperou a bola… Lucas Ordoñez, em zona central e de meia distância, acreditou e disparou para o 2-0, resultado com que se atingiu o intervalo.

Reinício de jogo muito animado, com as duas equipas muito atrevidas e as oportunidades a surgirem, com os guarda-redes chamados a trabalhos. Aos 29', golo do Sporting, com João Souto a reduzir para 2-1, após assistência de Gonçalo Nunes.

Aos 33', os verdes e brancos atingiram a décima falta e, na conversão do livre, Nicolía não desperdiçou, batendo Girão e colocando o marcador em 3-1.

A partir daqui não houve tática que resistisse, com o jogo a partir completamente, com ataques e contra-ataques consecutivos e o perigo a rondar as balizas.

O Sporting, sempre atrás do prejuízo, reduziu novamente (3-2), aos 38', através de Gonzalo Romero, aumentando ainda mais a expectativa.

Aos 42', novo duelo entre Nicolía e Girão, a castigar mais um cartão azul, mas desta feita ganhou o guardião dos verdes e brancos. No minuto seguinte, grande penalidade favorável às águias, Diogo Rafael rematou forte, ficando a dúvida se o esférico entrou ou não na baliza.

Derbi Hoquei em Patins

Com 2m45s para se jogar na Luz, o Benfica atingiu a décima falta, e Romero, na conversão do livre, fez o empate a três bolas. A justiça chegou praticamente no lance seguinte, com Lucas Ordoñez, em lance individual, a bisar e a dar a vitória às águias: 4-3.

Final impróprio para cardíacos, cartão azul a Diogo Rafael. Na conversão do livre, Pedro Henriques ganhou no frente a frente com Ferran Font. O Benfica ainda dispôs de mais um livre, mas o resultado não se alterou!

O Benfica torna a jogar no próximo fim de semana, com uma deslocação ao reduto da equipa do Parede FC, marcada para domingo, uma partida referente à 13.ª jornada da competição.

Derbi Hoquei em Patins

DECLARAÇÕES

Nuno Resende (treinador do Benfica): "É dérbi! Foi tudo colocado em campo. Estamos ainda numa fase inicial da época, e hoje [quinta-feira] conseguimos uma vitória muito importante. Tivemos a capacidade de estar sempre na frente, controlámos, reagimos ao empate e tivemos maturidade emocional para no fim ganharmos, mesmo em 'under play' e em sofrimento. Estes três pontos são muito importantes para dar confiança e consolidar o nosso trabalho e a recuperação que temos vindo a fazer. Mostrámos carácter, resiliência e superação. Somos mais equipa, fruto do trabalho e da aplicação de todos. Muito obrigado ao público presente, carregaram-nos e levaram-nos até ao fim. Esta empatia foi fundamental para este triunfo."

Edu Lamas (defesa do Benfica): "Todos sabem com são este tipo de jogos. Foi muito importante esta vitória frente ao Sporting, vinda na sequência dos últimos jogos. Queremos continuar a ganhar e no domingo temos já outra final. Estamos a crescer, a encontrar o nosso jogo e o Campeonato é muito logo. Temos muito trabalho pela frente, mas temos todos o mesmo objetivo."

Derbi Hoquei em Patins

Benfica-Sporting
4-3
Pavilhão Fidelidade
Cinco inicial do Benfica
Pedro Henriques, Edu Lamas, Lucas Ordoñez, Poka e Gonçalo Pinto
Suplentes
Rodrigo Vieira, Diogo Rafael, Carlos Nicolía, José Miranda e Pol Manrubia 
Ao intervalo 2-0
Golos do Benfica
Gonçalo Pinto (23'), Lucas Ordoñez (23' e 48') e Carlos Nicolía (33')
Marcha do marcador
1-0, 2-0, 2-1, 3-1, 3-2, 3-3, 4-3

Texto: Redação
Fotos: Victoria Ribeiro / SL Benfica
Última atualização: 9 de dezembro de 2021

Patrocinadores Hóquei


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar