Futsal

19 março 2022, 19h03

Bruno Cintra marcou e assistiu na vitória do Benfica

RESUMO DO JOGO

Eliminatória superada! No Pavilhão Desportivo Cidade de Viseu mandou o Benfica, que, na tarde deste sábado, 19 de março, bateu o Viseu 2001 por 2-3 em jogo relativo aos oitavos de final da Taça de Portugal de futsal.

Por cima no duelo, o Glorioso marcou ao minuto 8 por intermédio do canhoto Rocha (0-1), assistido por Bruno Cintra no culminar de um lance muito bem trabalhado pelo coletivo. Porém, uma perda de bola no momento da transição para o ataque permitiu ao Viseu 2001 empatar a partida (1-1), com a finalização a ser assinada por Mamadu Ture (9').

Descaído para a direita, Bruno Cintra, aos 17', concluiu da melhor maneira uma ofensiva dos encarnados, faturando o 1-2 num forte e colocado remate de pé direito. Chegados ao intervalo, os comandados de Pulpis lideravam o marcador.

Muitas foram as oportunidades criadas pelo Benfica na segunda parte, mas faltou eficácia. O Viseu 2001 estava à espreita de uma oportunidade e, num contragolpe, apontou o 2-2 aos 31' por intermédio de Douglas Moraes.

Sem se deter, a equipa benfiquista voltou a apontar as suas intenções às redes viseenses e alcançou o 2-3 por Afonso Jesus, de pé esquerdo, aos 34'. O jogo estava na mão e a qualificação para os quartos de final da Taça de Portugal seria uma certeza.

Na próxima ronda a eliminar as águias vão enfrentar o vencedor do jogo Amigos de Cerva-Caxinas.

Viseu 2001-Benfica
2-3
Pavilhão Desportivo Cidade Viseu
Cinco inicial do Benfica
André Sousa, Robinho, Nilson, Chishkala e Tayebi
Suplentes
Martim Figueira, Rômulo, Afonso Jesus, Henmi, Bruno Cintra, Rocha e Jacaré
Ao intervalo 1-2
Marcadores do Benfica
 Rocha (8'), Bruno Cintra (17'), Afonso Jesus (34')

Texto: Redação
Fotos: Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 19 de março de 2022

Patrocinadores Futsal


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar