Hóquei em Patins

29 maio 2022, 17h06

Pol Manrubia

RESUMO DO JOGO

Campeonato Nacional
Meias-finais do play-off
(jogo 1)
Resultado final
*4-3 após gp
Sporting 2
Benfica 2
Marcadores
 Ferran Font 12'
Ferran Font 48'
 Pablo Álvarez 4'
Carlos Nicolía 14'

Benfica e Sporting discutiram o jogo 1 das meias-finais do play-off do Campeonato Nacional de hóquei em patins na tarde deste domingo, 29 de maio, no Pavilhão João Rocha. As águias entraram na frente, mas a formação leonina empatou a contenda e, após prolongamento, saiu com a vitória no desempate por grandes penalidades (4-3).

Primeiro dérbi das meias-finais a iniciar-se com muito equilíbrio em quadra. Aos 2', Edu Lamas obrigou Ângelo Girão à primeira intervenção na partida. Volvidos dois minutos (4'), o Sporting teve duas oportunidades flagrantes. Ferran Font tentou surpreender Pedro Henriques e na recarga Gonzalo Romero esteve perto do golo. Na saída para o contra-ataque, em três para dois, Pablo Álvarez inaugurou o marcador no Pavilhão João Rocha. 0-1 para as águias e muito jogo pela frente...

Tentando reagir, a formação leonina atacava com rapidez e precipitava-se nas investidas junto da baliza encarnada. O Benfica estudava as suas ações, que resultavam com mais eficácia. Ainda assim, a igualdade chegou aos 12', por Ferran Font (1-1).

Hóquei patins

Mantendo a serenidade, os comandados por Nuno Resende colecionavam jogadas em transição que o Sporting não conseguia travar. Aos 14', Gonçalo Pinto e Pol Manrubia estiveram perto da vantagem, mas foi Carlos Nicolía o autor do golo. O avançado argentino arrancou sozinho e atirou para o 1-2.

Até ao intervalo, houve ocasiões para os dois guarda-redes brilharem. O Benfica trabalhou bem na defesa, continuou a tentar ampliar o resultado, mas o mesmo não se alterou.

Na segunda parte deu mais Sporting, que tentava de tudo para inverter o rumo dos acontecimentos. Aos 39' Ferran Font viu o golo do empate ser anulado; no instante seguinte, João Souto levou perigo à baliza do Benfica, evitado por Pedro Henriques.

No minuto 44 as duas equipas atingiram as dez faltas. Na marcação do livre direto, Ferran Font falhou para os leões e Carlos Nicolía atirou para a defesa de Ângelo Girão. Após várias ameaças, Ferran Font concretizou a igualdade, através de uma recuperação de bola de Alessandro Verona. A dois minutos do final da partida o placard assinalava um 2-2, obrigando a contenda a ir a prolongamento.

Hóquei patins

Dez minutos sem segredos, entre duas equipas que bem se conhecem, onde a consistência e eficácia fariam a diferença. A melhor oportunidade do Benfica esteve em Edu Lamas, aos 57', que atirou ao lado da baliza leonina. Destaque para as intervenções de Pedro Henriques, a negar vários intentos ao Sporting e a remeter a decisão para os penáltis.

Nos frente a frente, o Sporting foi mais eficaz e venceu, no somatório total, por 4-3. Diogo Rafael, Pol Manrubia, Edu Lamas e Carlos Nicolía falharam para o Benfica e Lucas Ordoñez concretizou uma das duas penalidades que enfrentou. Gonzalo Romero marcou os dois golos do emblema leonino. A eliminatória segue para a Luz, onde se disputará o jogo 2 das meias-finais do play-off do Campeonato Nacional.

Dérbi

Sporting-Benfica
2-2 (4-3 após gp)
Pavilhão João Rocha
Cinco inicial do Benfica
Pedro Henriques, Diogo Rafael, Edu Lamas, Pablo Álvarez e Lucas Ordoñez 
Suplentes
 Rodrigo Vieira, Carlos Nicolía, Pol Manrubia, Poka e Gonçalo Pinto
Cinco inicial do Sporting
Ângelo Girão, Ferran Font, Toni Pérez, Henrique Magalhães e Gonzalo Romero 
Suplentes
José Diogo Macedo, João Almeida, Alessandro Verona, Matias Platero e João Souto 
Ao intervalo 1-2
Golos
 Benfica: Pablo Álvarez (4'), Carlos Nicolía (14'); Sporting: Ferran Font (12' e 48')
Marcha do marcador
 0-1; 1-1; 1-2; 2-2

Texto: Rafaela Certã Alves
Fotos: FPP e Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 29 de maio de 2022

Patrocinadores Hóquei


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar