Andebol Feminino

05 junho 2022, 18h24

A equipa feminina de andebol do Benfica conquistou a Taça de Portugal e a 5.ª dobradinha na história do Clube

RESUMO DO JOGO

Taça de Portugal
Final
Resultado final
INT: 20-14
Benfica 38
Colégio de Gaia 31

O Benfica venceu (38-31) o Colégio de Gaia neste domingo, 5 de junho, em jogo da final da Taça de Portugal de andebol feminino, e celebrou assim a 5.ª dobradinha da sua história, conquistando um troféu erguido, pela última vez, há 30 anos. 

Com a dobradinha em mente e a possibilidade de trazer mais um sucesso para a modalidade 30 anos após a derradeira conquista na prova, o Benfica contrariou rapidamente o parcial de 0-2 favorável à formação de Gaia e, aos 6', já se encontrava na frente do marcador (3-2).

Daí em diante as atletas lideradas por João Alexandre Florêncio nunca mais deixaram a liderança no marcador, com a eficácia nas transições a fazer toda a diferença. Neste particular, Alina Molkova, com seis golos neste período, mostrou-se particularmente inspirada, isto sem esquecer algumas defesas de categoria de Ana Maria Ursu na baliza encarnada. Ao intervalo, os 20-14 ofereciam algum conforto para o Benfica no que à gestão do jogo dizia respeito.

Benfica-Colégio Gaia

No início da segunda parte, pressionando e forçando os erros no ataque das nortenhas, o Benfica ampliou a sua vantagem para oito golos em apenas quatro minutos (24-16). Aos 10 minutos da segunda parte a vantagem atingiu os nove golos, altura em que a técnica Paula Castro tentou, com um desconto de tempo, reverter a tendência do encontro. As gaienses deram um sinal de resistência durante cinco minutos, mas sem sucesso.

Benfica-Colégio Gaia

O Benfica manteve-se firme e acabou por vencer (38-31) a Taça de Portugal, juntando o troféu ao Campeonato Nacional, alcançando a dobradinha, a 5.ª da história do Clube, 30 anos após a derradeira conquista.

DECLARAÇÕES

Benfica-Colégio Gaia

João Alexandre Florêncio (treinador do Benfica): "É muito gratificante, disse que íamos construir a ganhar, foi o fizemos. O Colégio Gaia também fez um excelente jogo. É um dia especial, estou muito satisfeito, espero marcar um novo ciclo no andebol. Pensaremos na próxima competição, a Supertaça. Estas miúdas precisam de tempo para crescer e serem estimuladas, é o que tem acontecido. O Benfica aposta nas mulheres através do desporto, é uma valorização incrível. A minha palavra para a Direção e toda a estrutura, são os responsáveis por esta dinâmica criada. Sou apenas uma pequena ajuda. Hoje a minha filha com cinco anos tem referências. Mostraram o ADN Benfica."

Benfica-Colégio Gaia

Alina Molkova (MVP da final): "Estou muito feliz por vir para o Benfica, para Portugal. É um grande Clube. Sinto-me em casa. Tenho o apoio do treinador e das minhas colegas. Estou muito feliz, é incrível este sucesso. Foi um excelente trabalho de equipa."

Patrícia Rodrigues (lateral-direita): "Estes adeptos são incríveis, a vitória é deles e de toda a estrutura do Benfica. Juntas somos Benfica! Foram muitos golos para uma final, mas queríamos era defender bem e contra-atacar rápido."

Andebol feminino Benfica

Adriana Lage (pivot): "Estamos muito felizes. Depois de 30 anos... dar esta a alegria aos adeptos. Foram incansáveis do início ao fim. Acredito que o Benfica é um Clube vencedor, vim para ganhar, queremos é ganhar. Só temos de agradecer, esta vitória é para eles [adeptos]."

Benfica-Colégio Gaia

Débora Moreno (universal): "É um sentimento inexplicável, conseguimos a dobradinha. Foi muito trabalho, união e sacrifício. Os adeptos foram o oitavo jogador. Conseguimos manter sempre a calma e ganhar."

Nádia Rodrigues (pivot): "Nunca tivemos tantos adeptos num jogo. Foi muito trabalho árduo! Somos uma família."

Benfica-Colégio Gaia

Maria Unjanque (lateral-esquerda): "Fomos campeãs, todos os dias foram de trabalho árduo. Já conquistei dois títulos no Benfica, estou muito feliz."

Ana Maria Ursu (guarda-redes): "Foi um jogo muito complicado, tivemos algumas falhas na defesa, mas respondemos da melhor maneira no ataque. A vitória também é para os adeptos, gritaram do princípio ao fim."

Benfica-Colégio Gaia

Benfica-Colégio Gaia
38-31
Pavilhão Municipal de Santo Tirso
Formação inicial do Benfica
Ana Maria Ursu, Viktoriya Borshchenko, Maria Unjanque, Nádia Rodrigues, Denise Fernandes, Mihaela Minciuna e Alina Molkova 
Suplentes
 Audília Carlos, Rita Campos, Rute Fernandes, Mariana Costa, Patrícia Rodrigues, Madalena Pereira, Adriana Lage, Débora Moreno e Odete Tavares 
Formação inicial do Colégio Gaia
Ana Catarina Ferreira, Ana Abreu, Maria Santos, Daniela Mendes, Helena Soares, Mariana Neves e Nair Pinho
Suplentes
Carolina Nogueira, Bebiana Sabino, Filipa Costa, Sofia Vieira, Patrícia Vieira, Catarina Silva, Rita Rodrigues, Sara Andrade e Ana Isabel
Ao intervalo 20-14
Marcadoras
 Alina Molkova (9), Maria Unjanque (6), Viktoriya Borshchenko (5), Patrícia Rodrigues (5), Rute Fernandes (5), Rita Campos (3), Débora Moreno (3), Mihaela Minciuna (2)

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 6 de junho de 2022

Patrocinadores Andebol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar