Basquetebol

23 setembro 2022, 22h57

Ivan Almeida

RESUMO DO JOGO

 

Liga dos Campeões
Meias-finais
da ronda
de qualificação
Resultado final 
INT: 31-34
Keravnos 65
Benfica 73
1.º Q 2.º Q 3.º Q 4.º Q
16-13 31-34 52-51 65-73

equipa de basquetebol do Benfica enfrentou e venceu, nesta noite sexta-feira, 23 de setembro, os cipriotas do Keravnos (65-73), em jogo das meias-finais da ronda de qualificação da Liga dos Campeões. Domingo, às 17h00, no Pavilhão Fidelidade, joga-se a grande final...

Após a vitória perante o Golden Eagle Ylli, campeão kosovar, e apostado em não repetir o início periclitante desse encontro, foi um Benfica determinado e pleno de atitude que entrou em quadra, perante uma casa muito bem-composta, com os adeptos a empurrarem a equipa de princípio a fim.

Benfica

Aaron Broussard deu o mote a abrir as hostilidades com um triplo e Ivan Almeida, com um espetacular afundanço, mostrou ao que este Benfica ia. Num jogo muito físico, os cipriotas responderam e, com cinco minutos disputados, empate a nove pontos. Os visitantes pegaram na batuta, chegaram aos 16-11, no entanto, ao cabo de um 1.º quarto onde as defesas se superiorizarem aos ataques, eram apenas três os pontos a separar as formações (16-13).

O Benfica reentrou mais agressivo no jogo, foco total e Tomás Barroso, com um triplo, fez o empate (16-16). Alley-oop das águias, mais um triplo, adeptos a gostarem do que viam e o Benfica na frente (19-23) do marcador. O técnico adversário pediu time out, muita luta nas tabelas e, ao intervalo, vantagem para os anfitriões: 31-34.

Benfica

Num jogo pautado pelo equilíbrio e alternância nas forças, um triplo, logo a abrir a segunda metade, empatou novamente a partida (34-34). Duelo intenso, de garra, com os atletas a deixarem tudo em quadra... Com sete minutos jogados, da linha de lance livre, o Keravnos saltou para a frente (46-45), mas Tomás Barroso, a dizer "presente" e como gosta e sabe, disparou para mais um lançamento de três pontos. Desafio a aquecer, na raça e com mais faltas, com um 52-51 a marcar o final do 3.º quarto. Um ponto a separar as equipas, emoção a rodos, num duelo a eliminar e de enorme responsabilidade.

Os últimos dez minutos foram de enorme incerteza e jogados com muito suor e coração! Os homens de Chipre, com um afundanço, entraram fortíssimos (54-51), estiveram na frente, mas este Benfica, com um Pavilhão ao rubro, sabe muito bem o que quer e a camisola que enverga. Agressivos, focados, inteligentes e coesos, os comandados de Norberto Alves partiram para uma reta final de grande qualidade e nível, não deixando dúvidas acerca do vencedor. 65-73 para o Glorioso, que, desta forma, se qualifica para a grande final de domingo (17h00).

Pela frente, o último obstáculo no acesso à Liga dos Campeões chama-se Brose Bamberg (Alemanha) e é para fazer História! Todos convocados para o Pavilhão Fidelidade!

Benfica

DECLARAÇÕES

Norberto Alves (treinador do Benfica): "Defensivamente, estivemos bem. Este adversário joga com ritmo elevado nos ataques e muitos bloqueios. Adotámos uma estratégia de algum risco para diminuir a velocidade com que atacavam. No meio-campo ofensivo jogámos com altos e baixos. Na parte mais decisiva do jogo, os jogadores estavam um pouco nervosos e optámos por ataques mais simples. Não somos favoritos no próximo jogo e será David contra Golias. Teremos de divertir-nos em campo, circular a bola mais rápido para poder ganhar, independentemente de ser um adversário com potencial financeiro. Jogar coletivamente é a única maneira de superar as individualidades que eles têm. O ambiente do Pavilhão foi decisivo, porque estávamos um pouco emperrados no ataque. Quando o público nos empurrou, foi suficiente para ter aquela vantagem e ganhar o jogo."

Benfica

Keravnos-Benfica
65-73
Pavilhão Fidelidade
Cinco inicial do Benfica
Aaron Broussard, José Barbosa, Makram Romdhane, Maik Zirbes e Ivan Almeida
Suplentes
Diogo Gameiro, Betinho Gomes, Toney Douglas, Tomás Barroso, Sérgio Silva, Terrell Carter e James Ellisor
Cinco inicial do Keravnos
Deondre Burns, Ousman Krubally, Simon Michail, Titus Robinson e Nikos Stylianou
Suplentes
Christodoulos Yiaxi, Ioannis Pasiali, Sawas Gonatas, Kyrianos Maragkos, Panagiotis Markou, Filippos Tigkas e Remy Abell
1.º quarto 2.º quarto 3.º quarto 4.º quarto
16-13 31-34 52-51 65-73
Pontuadores do Benfica
Aaron Broussard (9), Makram Romdhane (4), Maik Zirbes (4), Ivan Almeida (20), Diogo Gameiro (3), Betinho Gomes (4), Toney Douglas (8), Tomás Barroso (9), Terrell Carter (7) e James Ellisor (5)

Texto: Sónia Antunes
Fotos: Victoria Ribeiro / SL Benfica
Última atualização: 23 de setembro de 2022

Patrocinadores Basquetebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar