08/04/2020

Equipa feminina em casa

Devido ao combate à COVID-19, o Benfica está em casa. É longe da relva e do treino coletivo que a equipa feminina de futebol trabalha diariamente, tudo fazendo para manter os melhores indicadores físicos possíveis. Num vídeo divulgado nas redes sociais do Clube, as 28 futebolistas que integram o grupo – que, até à paragem competitiva, liderava a Liga BPI, havia atingido as "meias" da Taça de Portugal e estava na final da Taça da Liga – mostram a diversidade de origens geográficas de onde são provenientes. "Para segurança de todos, nós ficamos em casa" – o apelo é feito em português (Sílvia Rebelo), inglês (Caroline), espanhol (Pauleta), francês (Cloé Lacasse), sueco (Julia Spetsmark), crioulo de Cabo Verde (Evy Pereira), zulu (Thembi Kgatlana) e igbo, um dos dialetos mais falados na Nigéria (Christy Ucheibe).

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar