20 de janeiro de 2018, 20h37

Rápidos e demolidores

Futebol

O Benfica sufocou o Chaves e construiu mais uma vitória na Liga NOS, desta feita à custa de uma equipa que não perdia há oito jornadas. Com o Penta na cabeça, os comandados de Rui Vitória deram novo passo seguro na aproximação ao primeiro lugar da competição.

Com mais uma exibição plena de segurança, intensidade e classe na Liga NOS, o Benfica desembaraçou-se do Chaves na 19.ª jornada, vencendo por 3-0 no Estádio da Luz.

Com este aproveitamento perante um adversário que não perdia no campeonato há oito jogos, mais concretamente desde a visita ao Braga a 29 de outubro, a equipa encarnada chegou aos 46 golos na principal competição nacional, sendo, a par da do FC Porto, a mais realizadora da prova. O primeiro lugar da Liga NOS está agora à distância de apenas dois pontos.

Como definir a entrada do Tetracampeão neste encontro usando apenas uma palavra? Asfixiante!

Sem bola, a equipa de Rui Vitória lançou-se sobre a primeira zona de construção do Chaves com o propósito de parar logo ali o adversário e iniciar, próximo da área flaviense, a elaboração de ataques.

Com apenas 10 minutos disputados, o Tetracampeão já tinha tirado as medidas ao primeiro golo por duas vezes, em lances que tiveram Jardel e Krovinovic no último toque. Perfeito, perfeito foi Jonas ao minuto 13: fora da área do adversário transmontano, Grimaldo avançou com bola, cedeu-a, com um passe curto, a Krovinovic e este, vendo Jonas a soltar-se, derivou o jogo para o espaço central, onde o camisola 10 das águias resolveu disparar de pé direito e assinou um golaço! 1-0.

Com constantes acelerações nos terrenos ofensivos e uma circulação de bola rápida e precisa, o Benfica iludia e furava a organização defensiva do Chaves, dando espetáculo. Prova disso é a forma como alcançou o 2-0: Cervi, na direita da área, depois de receber a bola, colocou Salvio em ação, com o extremo-direito a ter um movimento vertical, encarando o defensor e ganhando a linha de fundo, para depois centrar atrasado, à procura de Jonas, que estava lá para chutar de pé direito e bater novamente António Filipe. O brasileiro apontava o 23.º golo na corrente edição da Liga NOS, aos 19’.

Deliciado e empolgado com a atuação da equipa benfiquista, o público entoava cânticos de apoio, clamando pela conquista do Pentacampeonato.

Aos 28’, Salvio, com um tiro de pé canhoto de fora da área, ficou a milímetros do 3-0. A bola ainda raspou no poste esquerdo. Sempre de busca de maior vantagem na partida, o Benfica teve mais duas boas oportunidades de golo antes do intervalo, ambas pelos pés de Jonas na finalização, mas nessas ocasiões a bola desviou-se do alvo.

A segunda parte abriu com o Benfica a vincar a sua posição no comando da partida: Cervi, na esquerda, faz um passe rasteiro para a zona central e Pizzi arma um disparo de pé direito, vencendo a estirada do guarda-redes António Filipe. 3-0 para as águias.

Insaciável, o Benfica continuou a sufocar, com uma dinâmica ofensiva que encostava e amarrava o Chaves à sua grande área. Elaborando de pé para pé, com progressão e rapidez, os encarnados tiveram no pé esquerdo de Cervi, aos 58’, uma boa ocasião para cravar o quarto golo na baliza do Chaves, mas António Filipe foi superior.

Controlo total e superioridade absoluta do Benfica na partida, sendo diligente e agressivo sem bola e espetacular e eficaz com ela.

À entrada da última vintena de minutos, Rui Vitória foi mexendo na equipa e trocando peças. João Carvalho foi o primeiro a saltar do banco, rendendo Salvio (72’), cabendo a Pizzi derivar para a direita do meio-campo.

Raúl também entrou, substituindo Cervi (83’), depois de Krovinovic ter cabeceado à figura de António Filipe (82’), na sequência de um cruzamento de Fejsa, que roubara mais uma bola. Perto do fim, Jonas, protagonista de mais uma bela atuação, foi brindando com fortes e sonoros aplausos da plateia no momento em que cedeu o seu lugar a Seferovic. Tal como o jogo, a noite estava ganha!

Texto: João Sanches

Fotos: Isabel Cutileiro, João Trindade e Tânia Paulo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar