Futebol

10 fevereiro 2018, 15h32

Hélder Cristóvão

O Benfica B recebe (domingo, às 16h00) o Académico de Viseu Futebol Clube em jogo da 24.ª jornada da Ledman LigaPro (II Liga). Hélder Cristóvão acredita que esta partida passa por “cimentar o crescimento da equipa”.

“Não gostamos muito de olhar para o último jogo porque cada um tem uma história diferente. Temos duas vitórias consecutivas, queremos saber jogar sobre vitórias, queremos aproveitar tudo de bom que temos feito nestas jornadas para continuar a crescer. Estamos estáveis, jogamos em casa, temos sido fortes no Seixal, sabendo que o público está cada vez mais próximo da equipa. Este jogo passa por cimentar o nosso crescimento e trazer coisas novas, que é o que queremos fazer em cada partida”, analisou o técnico, em declarações à BTV.

O 7.º classificado – agora orientado por Manuel Cajuda, experiente técnico que conhece bem o futebol português e que chega com o objetivo da subida de divisão – vem de uma série de sete jogos sem vencer.

“É uma equipa boa, que não está num bom momento. Trocou de treinador, é a terceira equipa que recebemos esta época que passou por uma mudança de treinador, recorreu aos serviços de um histórico do nosso futebol. Será para nós também um prazer receber e defrontar um treinador com a capacidade e o histórico do Manuel Cajuda. Será um desafio aliciante também nesse sentido”, admitiu o treinador.

Benfica B-Oliveirense

“Sabemos que este Ac. Viseu esteve quase sempre nos lugares de subida, que vinha com um percurso muito forte e muito positivo, mas que está a sofrer uma senda de resultados negativos – muitos deles derrotas – e que causou esta descida na tabela classificativa. Continuam a crer que são candidatos à subida, o discurso é esse, e vêm ao Caixa Futebol Campus tentar pontuar, sabendo que deste lado vão ter um Benfica que está em crescendo, a jogar bem, com umas dinâmicas muito positivas, com um equilíbrio ofensivo e defensivo muito bom”, assegurou.

Uma equipa “experiente” e já bem conhecida dos encarnados, que terá pela frente um Benfica B determinado em prolongar esta boa fase.

“Sabemos, claramente, como é que joga o Ac. Viseu. Esta equipa está montada e formatada para a subida de divisão, com jogadores a rondar os 27/30 anos, ou seja, com muita maturidade e muito conhecimento da Segunda Liga. Cabe-nos a nós contrariá-lo, sabemos como fazê-lo e vamos fazê-lo com certeza”, garantiu.

À margem da antevisão ao encontro de domingo, Hélder Cristóvão comentou ainda o facto de o Benfica ser o clube que mais lucrou com a equipa B.

“Como treinador deixa-me satisfeito porque esses números refletem o nosso trabalho. Um trabalho da equipa B, um trabalho que vem sendo feito por todo o Benfica”, finalizou.

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: Arquivo / SL Benfica 

Última atualização: 7 de fevereiro de 2019

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar