18 de abril de 2018, 16h35

Darlene de Souza é o sétimo reforço do Benfica

Futebol feminino

Avançada internacional brasileira de 28 anos integra primeira equipa de futebol feminino do Clube e, em entrevista à BTV, já fala à Benfica!

Darlene de Souza Reguera é o sétimo reforço da equipa de futebol feminino do Sport Lisboa e Benfica. Internacional brasileira de 28 anos (11 de janeiro de 1990), natural de São José do Rio Preto, São Paulo, junta-se à equipa das águias que vai disputar o Campeonato Nacional de Promoção em 2018/19.

A avançada chega à Luz após uma temporada no Saragoça, de Espanha, e depois de anos de sucesso no Brasil ao serviço de Rio Preto e Centro Olímpico.

Em entrevista à BTV, a atleta, que no verão se muda para Lisboa, falou um pouco sobre si e revelou o que espera, agora com a camisola do Glorioso vestida.

“Sempre gostei de futebol, mas não jogava em lado nenhum. Então os meus pais montaram uma equipa de futebol feminino que foi onde comecei a jogar. A minha mãe era a presidente e o meu pai o treinador, mas tive de me esforçar muito”, contou Darlene.

Sobre a adaptação à Europa, a avançada revelou como surgiu a oportunidade e quais as expectativas face à chegada a Portugal.

“Aqui é um pouco frio, mas, em relação às outras coisas, acho que é tranquilo e adaptei-me bem. Quando estava no Brasil, já tinha algumas propostas para sair, duas de Espanha. Acontece que tinha uma amiga que jogava aqui e que me ligou. Então optei por vir para o Saragoça, pela equipa que é e pelo facto de conhecer alguém dentro do balneário”, explicou.

João Marques, o seu próximo treinador, foi das primeiras pessoas a falar com Darlene.

“Quando recebi o telefonema, falou bastante comigo e transmitiu-me grande confiança, explicou-me a situação e aí não pensei duas vezes e aceitei o convite”, disse, mostrando de seguida alguns conhecimentos sobre o Benfica.

Darlene

É um Clube que só quer ganhar e esse é um dos motivos de eu querer ir. Sou uma pessoa muito competitiva e consegui ver que o treinador também assim”, atirou de forma taxativa.

E há um exemplo a seguir na Luz: “Gostava de marcar tantos golos como Jonas e deixar a minha marca na história do Clube”, revelou.

Sendo a equipa de futebol feminino do Benfica um projeto novo, a jogadora brasileira fala em responsabilidade, mas a ambição é reinante.

“Não é qualquer pessoa que chega ao Benfica. Se somos escolhidas para estar ali, temos de ter um orgulho muito grande nisso. Tenho a certeza de que vamos fazer um bom trabalho e deixar a nossa marca. Estou muito ansiosa por começar”, revelou.

Darlene Souza é internacional brasileira, com experiência acumulada e maturidade.

“Já fui a várias competições importantes pela seleção do Brasil. É o sonho de qualquer pessoa representar o seu país. Se ali estou, deve-se ao meu trabalho, e espero que isso possa continuar”, afirmou.

A futebolista esteve envolvida, em julho do ano passado, num incidente com um árbitro, no decorrer de um jogo do Campeonato Brasileiro. Um momento que, acima de tudo, serviu de ensinamento: "Aconteceu, mas está no passado e aprendi muito com isso."

A internacional brasileira Darlene de Souza Reguera torna-se assim a sétima jogadora contratada e oficializada pelo Clube, depois das brasileiras Dani NeuhausDaiane Rodrigues e Ana Alice, das portuguesas Carlota Cristo e Jassie Vasconcelos, e da cabo-verdiana Evy Pereira. O técnico, João Marques, também já foi formalmente apresentado no Estádio da Luz. 

CONTRATAÇÕES ASSEGURADAS

Nome Posição Idade
Dani Neuhaus guarda-redes 24 anos
Daiane Rodrigues lateral-direita 31 anos
Carlota Cristo avançada 20 anos
Jassie Vasconcelos avançada 23 anos
Evy Pereira avançada 23 anos
Ana Alice defesa-central 29 anos
Darlene de Souza avançada 28 anos

 

Texto: Sónia Antunes e João André Silva

Fotos: SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar