Futebol

02 fevereiro 2019, 14h39

Pedro Soares

A equipa de Sub-23 do Marítimo foi ao Caixa Futebol Campus vencer o Benfica por 2-3, em jogo a contar para a 25.ª jornada da Liga Revelação.

RESUMO DO JOGO

O Marítimo foi a primeira equipa a rematar à baliza. Após a marcação de um pontapé de canto, Alírio saltou mais alto e cabeceou para defesa de Celton Biai (1’). Respondeu o Benfica aos 4’ por Umaro Embaló, que cabeceou com perigo. No minuto seguinte – 5’Ronaldo Camará, com uma boa incursão pela direita, levou perigo à área insular.

[GOLO: 1-0] À passagem dos 10’, o Benfica inaugurou o marcador. Cruzamento de Frimpong, Embaló endossou para Ronaldo Camará, o remate não saiu bem ao camisola 11, mas o esférico sobrou para Pedro Soares, que atirou a contar.

O Benfica estava melhor na partida e cheirava a mais golos no Seixal…

[GOLO: 2-0] De novo Embaló no golo. O extremo trabalhou na direita, cruzou e, ao segundo poste, Diogo Pinto rematou a preceito. Os Benfiquistas voltavam a festejar no Caixa Futebol Campus (12’).

O jogo estava vivo e o Marítimo, mesmo a perder por 2-0, corria atrás do prejuízo e não tirava de vista a baliza defendida por Celton Biai, guarda-redes do Benfica. Por outro lado, as águias, na frente do marcador, continuavam a carburar no ataque e, aos 27’, Embaló e Ronaldo Camará trabalharam na direita com o cruzamento a criar frisson junto da defensiva do Marítimo.

Nos minutos finais da primeira parte, o ritmo baixou, com a bola a andar longe das áreas de Benfica e Marítimo. Ao intervalo, 2-0 para as águias.

No reatamento, o treinador benfiquista, Luís Tralhão, lançou a jogo Diogo Capitão para o lugar de Henrique Jocu e o guarda-redes Dylan para o lugar de Celton Biai, que se queixara no decorrer dos primeiros 45 minutos.

[GOLO: 2-1] O Marítimo reduziu por Ruan Teles. O brasileiro trabalhou na direita, puxou o esférico para o meio e à entrada da área rematou cruzado, sem hipóteses para Dylan (50’).

Os insulares entravam de novo na discussão da partida e após o golo tomaram conta das rédeas, com maior posse de bola.

[GOLO: 2-2] Empate na partida aos 60’, por Leandro Cardoso. O maritimista aproveitou uma perda de bola de Embaló ainda no seu meio campo para bater Dylan.

O empate trouxe outra motivação, com Leandro Cardoso, de longe, a tentar o bis (64’). Dylan sacudiu para fora.

[GOLO: 2-3] Na sequência do pontapé de canto, Alírio cabeceou à barra da baliza encarnada, a bola ficou na linha de golo e na discussão entre Frimpong e Chico Banza, este último levou a melhor e o Marítimo celebrava a reviravolta.

A perder, Luís Tralhão lançou elementos ofensivos no jogo. Tiago Gouveia primeiro e Luís Lopes depois foram opção a fim dos Sub-23 do Benfica evitarem a derrota caseira.

Aos 74’, Luís Lopes trabalhou na direita, cruzou, Tiago Gouveia amorteceu para Embaló, que rematou para defesa de Mateus. No minuto seguinte, aos 75’, Embaló voltou a estar perto do 3-3, mas o remate saiu por cima após jogada do camisola 7.

Num contra-ataque conduzido por Ruan Teles, Baldé rematou para defesa de Dylan (79’). O Benfica bem tentou, mas o resultado não mexeu mais até ao apito final.

Formação inicial do Benfica: Celton Biai; Tomás Tavares, Miguel Nóbrega, Gonçalo Loureiro, Frimpong; Henrique Jocu, Diogo Pinto, Vukotic; Umaro Embaló, Ronaldo Camará e Pedro Soares.

O Benfica soma 46 pontos na Liga Revelação, já carimbou o passaporte para a fase final e na próxima jornada, a última (26.ª), desloca-se ao reduto do Aves. Para além dos encarnados, já estão na fase final: Estoril, Rio Ave, Aves, Sporting e SC Braga.

Luís Tralhão

“Temos de ter mais maturidade”

Luís Tralhão (treinador dos Sub-23 do Benfica): “Uma primeira parte excelente da nossa parte, estivemos muitíssimo bem; uma entrada em falso na segunda parte. Fomos traídos pelo primeiro golo do Marítimo e não conseguimos reagir. A equipa ficou instável e em dois lances seguidos, em 15 minutos, ficámos a perder. Na parte final do jogo melhorámos, tivemos várias oportunidades… não gosto de falar disto, nunca gostei, mas há uma situação claríssima de golo que foi anulado e que virava o jogo. Não fomos capazes. O que fica de bom é a primeira parte e a reação após o terceiro golo do Marítimo; de mau fica a entrada na segunda parte. Temos de ter mais maturidade. Saio desapontado com o resultado e acho que não é justo.”

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Isabel Cutileiro / SL Benfica

Última atualização: 7 de fevereiro de 2019

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Futebol

Treino em dia de aniversário

O líder Benfica defronta o Vitória de Guimarães no próximo sábado, dia 25 de setembro, numa partida relativa à 7.ª jornada da Liga Bwin, com pontapé inicial marcado para as 18h00. Tendo em vista a deslocação à Cidade-Berço, e em dia do 15.º Aniversário do Benfica Campus, a formação comandada por Jorge Jesus treinou no local...

Futebol

Por dentro da vitória frente ao Boavista

O Benfica soma e segue na Liga Bwin, desta feita venceu o Boavista, na segunda-feira, 20 de setembro, no Estádio da Luz. O 3-1 registado coloca os comandados de Jorge Jesus como o melhor ataque da competição, com 16 golos, no topo isolado da geral. Veja os bastidores de mais um triunfo na Catedral...

Futebol

Vertonghen "muito feliz" pelos 50 jogos de águia ao peito

Jan Vertonghen foi titular no eixo defensivo do Benfica no encontro da 6.ª jornada da Liga Bwin, frente ao Boavista, no Estádio da Luz, este dia 20 de setembro, tendo alcançado um marco na sua carreira com o Manto Sagrado vestido. "Estou muito feliz pelos 50 jogos de águia ao peito!", partilhou o internacional belga em português.

Futebol

Diogo Gonçalves assinala 50 jogos na equipa principal

Diogo Gonçalves alinhou no onze inicial do Benfica perante o Boavista, numa partida realizada no Estádio da Luz, referente à 6.ª jornada da Liga Bwin. Num encontro em que atingiu os 50 jogos pela equipa principal das águias, foi dele a assistência para o golo do Darwin, tento que abriu caminho para o triunfo por 3-1. "Estou muito feliz por ter completado 50 jogos pela equipa principal do Benfica. Que venham mais 50, junto com todos vocês! Obrigado pelo apoio", partilhou o defesa, dirigindo-se aos Benfiquistas.

Futebol

Benfica-Boavista em imagens

Seis jornadas, seis vitórias... há 39 anos que o Benfica não tinha um arranque como este no Campeonato Nacional. No Estádio da Luz, nesta noite de segunda-feira, dia 20 de setembro, a formação comandada por Jorge Jesus venceu o Boavista, por 3-1, numa partida intensa e bem disputada. Contas feitas, 18 pontos e a liderança invicta da Liga Bwin.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar