26 de fevereiro de 2019, 01h06

Man of the Match que fez questão de jogar

Futebol

Gabriel foi eleito o melhor jogador em campo no Benfica-Chaves com números dignos de registo numa partida com uma grande carga emocional.

Não marcou, mas fez diversos passes fantásticos e deu a marcar. Gabriel foi eleito o Man of the Match na receção do Benfica ao GD Chaves, um jogo com uma enorme carga emocional para o médio.

"Agradeço a Deus, só tenho mesmo de agradecer", resumiu Gabriel à BTV, visivelmente emocionado, num dia que ficou também marcado – explicou mais tarde o treinador Bruno Lage – pelo falecimento da avó do brasileiro, Cecília Appelt.

Gabriel com a avó Cecília Appelt

"Uma palavra para o Gabriel. Ele recebeu o prémio de Melhor Jogador em campo, sentiu-se emocionado e não soube explicar o que se passou. Mas merece essa explicação para que percebam que os jogadores não são máquinas. Teve conhecimento hoje [segunda-feira] do falecimento da sua avó, que o criou desde menino. Demos-lhe total liberdade de tomar a decisão. Quis jogar e fez o jogo que fez", assinalou o treinador do Benfica.

Gabriel com a avó Cecília Appelt

"Um abraço para ele, o conforto da equipa, que o ajuda a fazer mais e melhor, e é sempre nesse sentimento coletivo e de grande união que fazemos o nosso dia a dia", disse Bruno Lage na conferência de Imprensa.

Gabriel com a avó Cecília Appelt

Eleito o melhor jogador em campo, Gabriel, de acordo com os dados da plataforma Sofascore, registou uma assistência, dois passes decisivos, 75% de eficácia de passe (80 passes certos), 19 bolas longas – 14 delas bem-sucedidas – e 21 duelos, 14 deles vencidos.

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: Isabel Cutileiro e João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar