Futebol

07 abril 2019, 20h22

André Almeida, Pizzi e João Félix

O Benfica não deixou para a segunda parte o que poderia virar na primeira e, com finalizações de Pizzi e André Almeida, colocou-se em vantagem no terreno do Feirense, embalando depois para o 1-4, o seu 12.º triunfo nas últimas 13 jornadas da Liga NOS.

Com 77 golos marcados (18 tiveram a assinatura de Seferovic, o artilheiro-mor da Liga NOS) e 69 pontos colhidos, os encarnados têm o melhor ataque e comandam a prova. Faltam seis finais!

RESUMO DO JOGO

As primeiras iniciativas atacantes no relvado do Estádio Marcolino Castro pertenceram ao Benfica e, aos 7', João Félix teve espaço na área para visar a baliza guardada por Caio Secco, mas o esférico embateu no corpo de um defensor.

A lutar pela sobrevivência na Liga NOS, o Feirense atreveu-se e fez pela vida, procurando chegar-se à grande área encarnada. Aos 10', aproveitando um cruzamento executado na direita por Edson Farias, João Silva escapou à marcação e, sobre o segundo poste, finalizou a jogada com um cabeceamento para as redes (1-0).

Somar três pontos nesta visita a Santa Maria da Feira era a missão do Benfica e a equipa, que teve Samaris e Florentino no eixo do meio-campo, depressa reagiu à desvantagem, mas os remates (de Pizzi e João Félix) ou eram bloqueados, ou erravam o alvo.

De bola parada, o Feirense colocou a bola no interior da baliza encarnada aos 20', mas o lance não contou, porque um jogador do Feirense estava em posição irregular e fez-se à bola batida por Vítor Bruno, prejudicando a ação de Odysseas. Lance prontamente invalidado.

[GOLO: 1-1]

Depois da meia hora, Taarabt (uma estreia como titular) passou por cinco adversários e chutou à figura de Caio Secco (31'). Pizzi também esteve perto de igualar num disparo aos 31', mas o guardião do Feirense voltou a evitar. O 1-1 aconteceria aos 40' na transformação de um pontapé de penálti convertido por Pizzi (nono golo na prova), um castigo a penalizar infração cometida por Ghazal sobre o mesmo Pizzi. A falta existiu, mas, para ser sancionada, foi necessária a intervenção do videoárbitro e posterior visionamento das imagens do lance por parte do árbitro João Pinheiro.

[GOLO: 1-2]

Antes do intervalo (e já depois de um golo anulado a João Félix, aos 42', por fora de jogo), dentro dos três minutos de tempo adicional concedidos pela equipa de arbitragem, o Benfica alcançou o 1-2. Pizzi, num canto à direita, colocou a bola no interior da área, Samaris, vencendo o primeiro duelo, endossou o esférico para a zona onde estava André Almeida e este, de pé direito, não perdoou (45'+2').

[GOLO: 1-3]

No recomeço do desafio viu-se um Benfica a carregar pelo 1-3, que conseguiria faturar logo aos 49' num sensacional chapéu de Seferovic, que, de primeira, depois de ver Caio Secco fora dos postes, atirou de pé esquerdo com precisão máxima. O internacional suíço reforçava o estatuto de melhor marcador da Liga NOS, apontando aqui o 17.º golo nesta edição da prova.

[GOLO: 1-4]

O Benfica tinha os três pontos nas mãos e não permitiu que os mesmos lhe fugissem. Controlou, geriu, atacou, defendeu, ripostou, ganhou cantos (à esquerda e à direita), refrescou-se (Jonas, Cervi e Gedson renderam João Félix, Taarabt e Pizzi) e ainda marcou mais um golo. Aos 89', na segunda vaga de ataque depois do canto cobrado por Cervi na direita, Grimaldo, no corredor contrário, cruzou para o cabeceamento mortífero de Seferovic, o finalizador-mor da competição, que assim elevou a sua conta pessoal para 18 golos. Já o lateral espanhol ampliou para oito o número de assistências na Liga NOS 2018/19.

Os próximos dois jogos do Benfica na Liga NOS são no Estádio da Luz, enfrentando V. Setúbal (29.ª jornada) e Marítimo (30.ª).

Texto: João Sanches

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Última atualização: 9 de julho de 2019

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Futsal Feminino

Futsal feminino: a Supertaça é nossa!

Comandada pelo treinador Pedro Henriques, a equipa feminina de futsal do Benfica conquistou a 6.ª Supertaça do palmarés neste domingo, 19 de setembro, após bater o Nun'Álvares por 1-0, no Pavilhão Desportivo Cidade de Viseu. A capitã Inês Fernandes protagonizou o golo que levou as encarnadas ao primeiro troféu da época desportiva 2021/22 e Ana Catarina, guarda-redes das águias, fez uma exibição estrondosa na baliza.

Futebol

Grimaldo já tem troféu do Golo do Mês

O lateral-esquerdo Grimaldo recebeu neste dia 17 de setembro o prémio pelo Golo do Mês apontado ao Gil Vicente em agosto na 3.ª jornada da Liga Bwin, uma distinção atribuída pela Liga Portugal após votação dos adeptos. Mas o defesa das águias quer mais prémios e golos para a equipa. "Mais que o golo, foi importante a vitória do Benfica. É sempre bom receber um prémio da Liga, espero que não seja o único esta época. Foi um golo bonito, esperamos conseguir mais, pois são golos para o Benfica", atirou em declarações à Liga.

Futebol

Sub-23 aprenderam a competir na cozinha!

Educar os jovens atletas do Benfica é uma das missões do Clube em termos formativos. Os Sub-23 viveram mais uma experiência nesse processo, tendo participado num workshop de culinária, realizado no Benfica Campus. Aprender que alimentos e que pratos podem contribuir para melhorar o rendimento, mantendo sempre o cariz lúdico e competitivo, foi um dos objetivos... Uma iniciativa aprovada por todos, como nos mostra esta reportagem da BTV.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar