8 de outubro de 2018, 10h43

Rafa chamado à Seleção Nacional

Futebol

O extremo junta-se a Rúben Dias, Gedson e Pizzi entre os eleitos de Fernando Santos para os compromissos com a Polónia e Escócia.

O Benfica tornou-se o clube mais representado na convocatória de Fernando Santos para os desafios com a Polónia (Liga das Nações) e Escócia (particular) depois de Rafa se juntar a Rúben Dias, Gedson e Pizzi. O extremo substitui Gonçalo Guedes (Valência), que se lesionou frente ao Barcelona.

A convocatória de 4 de outubro sofre, assim, uma alteração e o extremo das águias integra, agora, o lote de opões. Esta chamada premeia o excelente arranque de temporada protagonizado por Rafa, que, até ao momento, em todas as competições, soma 10 jogos realizados, quatro golos marcados – três deles na Liga NOS –, uma assistência e 492 minutos de utilização.

Os quatro golos marcados – Chaves (2), Rio Ave e Nacional – por Rafa em 2018/19 são já recorde desde que chegou ao Benfica, pois marcara dois em 2016/17 e três em 2017/18. Diante dos flavienses apontou mesmo o primeiro bis de águia ao peito.

Chaves-Benfica

É notória a mão de Rui Vitória na evolução de Rafa desde que chegou à Luz. O técnico tem sabido gerir bem o jogador, potenciando as suas valências em prol do coletivo. Frente ao FC Porto, Rafa foi aposta na segunda parte com o treinador a explicar a entrada do 27: “Rafa é um jogador mais vertical, que empurra o adversário mais para trás e que deixa em sentido o marcador direto.”

Para além dos quatro lusos, há mais sete jogadores do plantel convocados pelas respetivas seleções. Seferovic (Suíça), Zivkovic (Sérvia), Cervi e Salvio (Argentina), Yuri Ribeiro e João Félix (Sub-21 de Portugal), Castillo (Chile) vão estar em competição entre os dias 11 e 17 de outubro.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar