15 de outubro de 2018, 12h01

Rúben Dias e mais 10 na Seleção Nacional

Futebol

Aposta cada vez mais sólida na Seleção Nacional, o defesa-central do Benfica foi o único jogador a ser titular nas últimas duas partidas de Portugal, frente à Polónia e à Escócia.

Rúben Dias e mais dez! O defesa-central do Benfica foi o único jogador de Portugal que repetiu a titularidade com a Escócia (vitória por 1-3) depois de ter entrado de início no jogo a contar para a 2.ª jornada da Liga das Nações, com a Polónia. A confiança de Fernando Santos no jovem formado no Seixal cresce a olhos vistos.

O camisola 6 das águias, que se estreou na equipa das Quinas num particular com a Tunísia, marcou presença no Mundial da Rússia no verão, mas não somou qualquer minuto. Porém, a primeira (boa) época no Clube e o arranque sólido que está a protagonizar em 2018/19 fizeram com que Rúben Dias fosse aposta sólida de Fernando Santos ao lado de Pepe no eixo do sector defensivo. Foi titular com a Croácia no Estádio Algarve e não mais saiu. Já lá vão quatro jogos seguidos.

Rúben Dias

Frente aos escoceses, apesar de ser um particular, voltou a merecer honras de titular e teve números bastante positivos, segundo o portal Wyscout. O central participou em 76 ações no jogo e foi bem-sucedido em 59, com uma eficácia de 78%. No capítulo do passe, Rúben Dias terminou com 95% de eficácia (55 conseguidos em 58 tentados) e 83% no passe longo (5 em 6). Deu amplitude ao seu jogo fazendo quatro passes para o último terço do terreno, dos quais três foram bem-sucedidos (75%). Rúben Dias recebeu, ainda, 45 passes dos colegas.

Todavia, a marca Benfica não foi notória apenas em Rúben Dias. No decorrer do encontro, Fernando Santos fez alinhar mais dois benfiquistas: Gedson e Rafa. O médio formado no Caixa Futebol Campus entrou aos 68’ para o lugar de Bruno Fernandes e ainda foi a tempo de assistir Bruma para o 1-3; o extremo, que jogara a titular com a Polónia, entrou aos 90’, substituindo Bruma.

Rúben Dias

Entre os jogadores formados no Seixal, destaque para Hélder Costa. O extremo do Wolverhampton estreou-se com um golo pela equipa principal de Portugal ao inaugurar o marcador em Hampden Park (Glasgow) aos 44’. Já o médio Renato Sanches (Bayern Munique) voltou a ser opção, entrando aos 56’.

Também a contar para a Liga das Nações, Zivkovic foi titular e alinhou os 90’ na partida com Montenegro, participando com uma assistência para o bis de Mitrovic. A Sérvia venceu, por 0-2. Dias depois, a mesma seleção foi à Roménia empatar a zero, mas o benfiquista não saiu do banco de suplentes.

Seferovic também está envolvido na mesma prova. O avançado suíço foi titular (saiu aos 69’) diante da Bélgica na derrota por 2-1. Os helvéticos voltam a entrar em campo na Liga das Nações, nesta segunda-feira, pelas 19h45, na Islândia.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: FPF

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar