22 de dezembro de 2018, 12h43

Permaneceu o nulo em jogo equilibrado

Futebol

A equipa B do Benfica empatou frente ao Famalicão na 13.ª jornada da II Liga (Ledman LigaPro).

A equipa B do Benfica empatou frente ao Famalicão (0-0) em jogo a contar para a 13.ª jornada da II Liga (Ledman LigaPro). Numa exibição bastante equilibrada, os comandados de Bruno Lage demonstraram o porquê de estarem nos primeiros lugares da tabela classificativa.

RESUMO DO JOGO

 

Num jogo que levou bastante público às bancadas do Municipal de Famalicão, foi o Benfica a primeira equipa a criar perigo. Jota não conseguiu controlar o esférico aos 2' quando já estava frente a frente com o guarda-redes adversário. Pouco tempo depois, o extremo encarnado voltou a estar em destaque aos 9', fletiu para o centro, mas desferiu um remate fraco que acabou nas mãos de Defendi. 

 

Aos 10' primeiro lance de perigo do Famalicão, Fabrício não conseguiu responder da melhor maneira a um cruzamento do lado esquerdo. O avançado do Famalicão rematou por cima da barra.

O Benfica esteve muito perto do golo aos 11', um canto muito bem marcado por Jota, que encontrou Kalaica no meio dos centrais, a saltar e a fazer um potente remate de cabeça que só não balançou as redes adversárias porque Defendi se aplicou e voou para uma grande defesa.

Grande solidez da defensiva encarnada que se refletiu na confiança dos jogadores dianteiros em sucessivas incursões nas costas dos jogadores adversários. Aos 24' Jota soltou-se pela extrema direita e cruzou para o interior da área, Nuno Santos acompanhou a jogada e tentou alterar o resultado para as águias, mas mais uma vez o guarda-redes do Famalicão mostrou-se em grande plano e negou o golo ao Benfica.

Os encarnados nunca mudaram a sua filosofia de jogo e mostraram sempre mais vontade de chegar à baliza contrária. Aos 39' e depois de alguns passes curtos, a bola chegou a Pedro Amaral, que num passe rasteiro pelo flanco esquerdo desmarcou Jota. O extremo encarnado isolou-se e rematou, mas não conseguiu desviar a bola do guarda-redes adversário.

A equipa do Famalicão voltou a ameaçar as redes encarnadas aos 45'. Na sequência de um livre que foi cortado pela defesa encarnada, Walterson rematou à entrada da área, mas o esférico passou por cima da barra de Zlobin. Ao intervalo: 0-0.

RESUMO DA 1.ª PARTE

 

Começo da segunda parte marcada pela alteração na equipa das águias. Alex Pinto saiu por lesão e deu o lugar a Nuno Tavares.

Primeiros dez minutos do segundo tempo sem grandes oportunidades de perigo, num jogo muito disputado por ambas as partes e muito combativo a meio campo.

Um duelo tático muito forte onde as equipas não deram tantos espaços como aconteceu no primeiro tempo. Willock tentou contrariar esta tendência aos 62', ultrapassou o seu oponente direto na extrema esquerda e cruzou para dentro da área onde apareceu Ricardo para cortar a bola de cabeça.

Novo lance de perigo da equipa do Famalicão através da cobrança de um livre direto aos 65', David Luís rematou forte, mas Zlobin tinha o lance controlado e deixou o esférico sair pela linha final.

Bruno Lage fez a segunda alteração na equipa das águias: tirou Saponjic e lançou Zé Gomes (68').

Entrada nos 15 minutos finais com mais uma alteração para o Benfica, desta feita foi Nuno Santos a ceder o lugar a Tiago Dantas (76'). Aos 77' a equipa do Famalicão esteve perto do golo, mas Zlobin estava atento e com uma espetacular defesa negou os intentos a Filipe Oliveira.

Os encarnados continuaram à procura da vitória até ao fim. Foram sucessivas as oportunidades na fase final do encontro, sendo que o lance mais perigoso esteve nos pés de Jota, que, aos 88', rodou dentro da área e rematou para mais uma grande parada de Defendi.

O resultado já não sofreria alteração: 0-0, empate no último jogo de 2018 que deixou o Benfica B com 27 pontos e no 4.º lugar da II Liga (Ledman LigaPro). 

Onze incial do Benfica B: Zlobin; Alex Pinto, Kalaica, Ferro e Pedro Amaral; Florentino Luís, Keaton Parks e Nuno Santos; Willock, Jota e Saponjic.

Suplentes: Daniel Azevedo, Nuno Tavares, David Zec, Guga, Tiago Dantas, Gonçalo Ramos e Zé Gomes.

Boletim clínico: David Tavares (status pós-cirúrgico ligamentoplastia no joelho esquerdo); Ricardo Araújo "Jorginho" (status pós-cirúrgico ligamentoplastia no joelho esquerdo); Anthony Carter (status pós-cirúrgico meniscetomia ao joelho esquerdo); Vitalii Lystcov (status pós-cirúrgico ligamentoplastia no joelho esquerdo); Diogo Mendes (lesão muscular na face anterior da coxa esquerda); Daniel dos Anjos (status pós-entorse no joelho direito).

BrunoLage

Bruno Lage: "Merecíamos outro resultado"

Bruno Lage (treinador do Benfica B): "Depois daquilo que fizemos estamos muito satisfeitos com a exibição, mas claramente penso que merecíamos outro resultado, principalmente pelas oportunidades que criámos. Fizemos o jogo como uma grande equipa que somos, foi isso que eu pedi aos jogadores. Viemos jogar ao campo do primeiro lugar, jogar para o primeiro lugar e foi isso que fizemos. Temos três ou quatro bolas na cara do guarda-redes, dado que o Ivan também faz uma grande defesa, mas o guarda-redes adversário tem de ter o mérito do jogo e eventualmente ser o homem do jogo, porque penso que o ponto conquistado pelo Famalicão em parte é dele."

Florentino Luís (médio do Benfica B): "Claro que o Benfica quer sempre ganhar, mas acho que a equipa esteve muito bem, foi um jogo bem disputado. Viemos aqui à casa da equipa que está em primeiro lugar, tentámos jogar, sairmos por trás, obrigámos o adversário a bater a bola e acho que o mais importante foi feito, que foi manter a nossa identidade. Nós sabíamos que o Famalicão era uma equipa bem organizada, foi um bom jogo, mas não conseguimos chegar à vitória. Qualquer uma das equipas podia chegar, mas acho que nós tivemos mais perto."

Texto: Diogo Nascimento e Márcia Dores

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar