18 de julho de 2019, 19h04

Alta rotação no relvado e muito apoio nas bancadas

Futebol

O Benfica prossegue, na Universidade de Stanford, na Califórnia, a preparação para a International Champions Cup.

O Benfica abriu nesta quinta-feira (10h00 horas locais, 18h00 em Portugal Continental) as portas do campo da Universidade de Stanford, na Califórnia, onde prossegue a preparação para a International Champions Cup 2019.

Sob o olhar atento dos Benfiquistas presentes nas bancadas, o apronto começou à hora marcada com uma curta palestra da equipa técnica aos jogadores. Antes, umas ruidosas palmas assinalaram a entrada do plantel no campo de treinos da Universidade de Stanford.

O treino prosseguiu com exercícios de aquecimento através de alongamentos e ativação muscular. Pequena interrupção para o plantel se hidratar e… uma surpresa! Na bancada, logo acima do local onde os jogadores se refrescavam, estava Luisão. O ex-capitão foi prontamente cumprimentado pelos antigos colegas.

As bancadas, essas, aos poucos iam ficando cada vez mais compostas.

A sessão de trabalho seguiu com um género de meiinho com dois grupos de três equipas cada. Sempre em alta rotação, Bruno Lage e restante equipa técnica apostaram na circulação rápida da bola, passe, receção e forte reação na recuperação do esférico. Quando um elemento de uma das formações perdia a bola, substituía outra no meio.

Peladinha em campo muito curto a privilegiar a rápida decisão, pressão alta sobre a bola, passe, receção e… golo. A cada esférico que beijava as redes, o público entusiasmava-se e em uníssono cantava “SLB, SLB, Glorioso SLB”.  

A sessão terminou com aplausos e agradecimentos aos adeptos. Estes responderam com alegria, transmitindo boa energia ao plantel.  

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar