22 de agosto de 2019, 17h52

🎥 Segundo triunfo consecutivo!

Futebol

O Benfica venceu a formação do Feirense, em jogo da 3.ª jornada (invertida) da Liga Revelação.

RESUMO DO JOGO

A equipa do Benfica, comandada por Jorge Maciel, levou a melhor sobre o Feirense na 3.ª jornada da Liga Revelação. Os encarnados venceram por 2-1 no Caixa Futebol Campus e somam agora seis pontos na competição.

A equipa comandada por Jorge Maciel entrou com tudo na partida e aos 2' esteve muito perto de fazer mexer o marcador.

Uma excelente jogada de recorte técnico das águias! Jair Tavares levantou para Camará, que, de calcanhar, colocou em Sérgio Andrade. O camisola 8 das águias recebeu, ajeitou o esférico e de pé esquerdo disparou forte contra a barra da baliza defendida por Ricardo Benjamim.

[GOLO: 1-0] Pedro Ganchas recuperou a bola e colocou em Tiago Gouveia. O extremo encarnado fletiu para o interior do terreno, percebeu a desmarcação de Luís Lopes e fez um passe a rasgar. O n.º 9 do Benfica rematou de primeira e bateu o guardião adversário aos 11'.

Depois do golo marcado, as águias baixaram o ritmo de jogo e a equipa de Santa Maria da Feira aproveitou para aumentar a posse de bola. A circulação do esférico em zonas recuadas do terreno não causava perigo, mas prevenia as ofensivas encarnadas.

Aos 35', Jorge Maciel viu-se obrigado a realizar a primeira substituição no encontro. Depois de ter sofrido um toque num joelho, Fábio Baptista teve de abandonar o terreno de jogo, sendo que para o seu lugar entrou Filipe Cruz.

As muitas paragens que iam acontecendo juntamente com o forte calor que se ia sentindo no Seixal faziam com que se quebrasse o ritmo de jogo

[GOLO: 2-0] Jogada de ataque iniciada e finalizada por Ronaldo Camará aos 45'. O médio encarnado deixou a bola com Sérgio Andrade, que rapidamente viu a subida de Jair Tavares pela direita. Tabelou com Jair, recebeu a bola no interior da grande área e efetuou o cruzamento. Na pequena área estava Camará, que encostou para o fundo das redes adversárias. 

Sem tempo para mais, o árbitro da partida apitou e as equipas recolheram aos balneários do Caixa Futebol Campus. Ao intervalo: 2-0.

RESUMO DA 1.ª PARTE

O início da 2.ª parte do encontro trouxe nova contrariedade para o lado encarnado. Desta feita foi Tiago Gouveia a queixar-se da perna esquerda. O treinador das águias, perentório, colocou Kevin Csoboth no seu lugar aos 50'.

[GOLO: 2-1] A equipa de Santa Maria da Feira encurtou distâncias no marcador aos 55'. A equipa encarnada recuou as suas linhas, o Feirense aproveitou e fez o primeiro golo. Marcus Abraham apareceu nas costas da defensiva encarnada para encostar o esférico centrado por Bruno.

As águias não se deixaram afetar pelo golo sofrido e rapidamente voltaram a cercar a área do Feirense. O Benfica circulava a bola com segurança ao longo do terreno, procurando a melhor hipótese de finalização. O jogo esfriou bastante e o cansaço era notório nos dois conjuntos. A ligação entre sectores já não era tão fluída como nos primeiros momentos da partida. 

Tomás Azevedo esteve muito perto do terceiro golo aos 86'! O trinco benfiquista foi bem servido por Kevin Csoboth, mas o remate em arco saiu uns centímetros ao lado do poste direito. Até ao final nenhuma das equipas fez mexer o marcador e os três pontos ficaram mesmo no Caixa Futebol Campus. Resultado final: 2-1.

Os encarnados, com seis pontos, estão na liderança da Liga Revelação, a par com o eterno rival Sporting (menos um jogo). Na próxima jornada (4.ª), que se vai realizar na próxima terça-feira (27 de agosto), às 11h00, o Benfica irá receber o V. Guimarães no Caixa Futebol Campus.

Onze inicial do Benfica: Leo Kokubo, Fábio Baptista, Gonçalo Loureiro, Vilius Armalas, Pedro Ganchas, Tomás Azevedo, Sérgio Andrade, Ronaldo Camará, Jair Tavares, Tiago Gouveia e Luís Lopes.

Suplentes: Dylan Silva, Filipe Cruz, Miguel Nóbrega, Diogo Capitão, Kevin Csoboth, Petar Pavlicevic, Tiago Araújo, Gustavo Schneider, João Borges.

DECLARAÇÕES

Jorge Maciel (treinador do Benfica): "Até aos dez minutos de jogo tivemos momentos incríveis, dos melhores momentos da época muito provavelmente. Estivemos instalados no meio-campo adversário, contudo, depois do primeiro golo relaxámos um pouco, e, sabendo que a Liga Revelação é extremamente competitiva, vamos ter sempre problemas."

Luís Lopes (jogador do Benfica): "Fomos eficazes nas oportunidades que tivemos, mas ainda estamos na 3.ª jornada, há muito campeonato e ainda há muito que limar. É sempre bom ganhar e conquistar os três pontos."

Texto: Diogo Nascimento

Fotos: Cátia Luís / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar