13 de setembro de 2019, 19h30

🎥 Cinco anos depois: Benfica-Gil Vicente, o reencontro

Futebol

Histórico de resultados entre as duas equipas, que se defrontam às 19h00 de sábado no Estádio da Luz, é amplamente dominado pela águia.

ANTEVISÃO

As equipas do Benfica e do Gil Vicente reeditam um duelo que não se vê desde 2014/15. Os dois clubes encontram-se às 19h00 de sábado, no Estádio da Luz. O último jogo no Campeonato, na Catedral, disputou-se em 21 de dezembro de 2014 – Nico Gaitán assinou a vitória (1-0).

Defrontaram-se 41 vezes em todas as provas, mas o historial começou a ser desenhado apenas no início dos anos 1990. A ronda inaugural de 1990/91 foi logo um Benfica-Gil Vicente, com as águias a apadrinharem a estreia dos minhotos nas andanças do principal Campeonato do futebol luso. Na Luz, 3-0, com tentos de Vítor Paneira (18'), Ricardo Gomes (48') e Rui Águas (62' gp).

A partir daqui houve várias partidas, umas com mais dificuldades do que outras, mas quase sempre com o Benfica a sair por cima. No total, os encarnados têm 73% de triunfos (30 em 41) e somente quatro derrotas.

Histórico do Benfica com o Gil Vicente

  LIGA T. PORTUGAL T. LIGA TOTAL
Jogos 36 3 2 41
Vitórias 26 2 2 30
Empates 6 1 - 7
Derrotas 4 - - 4
Golos marcados 73 7 3 83
Golos sofridos 22 1 1 24

Analisando os jogos a contar para o Campeonato Nacional, curiosamente, os resultados são homogéneos. O Benfica soma 14 vitórias em casa, 12 fora e sofreu dois desaires na Luz e mais dois fora de portas. Em 36 encontros, o Campeão Nacional apontou 73 golos (2,03 por desafio) e para isso em muito ajudaram os vários 5-0 registados, o resultado mais desnivelado entre Benfica e Gil Vicente.

A primeira vez foi em 1991/92, no antigo Estádio da Luz, situação que se voltou a registar em 2012/13 já na nova Luz e no último jogo entre os dois emblemas na Liga, em 2014/15, no Estádio Cidade de Barcelos, um dos desafios que ajudaram na conquista de um dos títulos que compõem o inédito Tetra.

Registo imaculado nas Taças

Para além das partidas do Campeonato Nacional, Benfica e Gil Vicente encontraram-se nas Taças de Portugal e da Liga. Destes cinco jogos, o mais emblemático aconteceu a 14 de abril de 2012, no Estádio Cidade de Coimbra.

Naquele dia, os dois emblemas lutaram pela conquista da Taça da Liga. Para os minhotos seria uma estreia; para as águias seria a 4.ª conquista – têm sete no palmarés. Começou melhor o Benfica com o golo de Rodrigo, aos 30’. Zé Luís empatou aos 78’, mas Saviola, aos 84’, desfez o nó e deu o triunfo – e a então 4.ª Taça da Liga – à turma benfiquista.

Ainda na Taça da Liga houve mais um encontro entre as duas equipas, em 2013/14, com Sulejmani a resolver; na Taça de Portugal, os clubes encontraram-se em três ocasiões. A primeira vez em 1997/98, com a eliminatória (quartos de final) a precisar de um segundo jogo para ficar resolvida (1-1 e 1-0). A segunda vez foi em 2013/14 (oitavos de final), com as águias a baterem o conjunto de Barcelos por 5-0.

Lima goleador

Nos tops do Benfica e do Gil Vicente estão vários jogadores com 10 e mais partidas realizadas, mas nos golos ninguém bate Lima. O brasileiro tem sete remates certeiros em outros tantos duelos e lidera os marcadores deste "minicampeonato".

Há vários nomes com uma dezena do currículo, curiosamente todos do Benfica, mas ninguém jogou tanto como Tuck e Miguel, dois futebolistas da história dos minhotos, com 12; do lado encarnado, com 10 encontros estão Nuno Gomes, Simão, Hélder, Luisão e Paulo Madeira.

Top 5

Jogador Golos
Lima 7
Nuno Gomes 5
Rodrigo 4
Pacheco 4
Simão 4

Há, ainda, jogadores que apresentam números conquistados em representação dos dois clubes. São eles: Drulovic, Petit e Marcelo. O reencontro de Benfica e Gil Vicente acontece às 19h00 de sábado, no Estádio da Luz. Os bilhetes estão à venda.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar