14 de setembro de 2019, 21h49

🎥 Bruno Lage: "Estes são os tipos de jogos que fazem das equipas campeãs"

Futebol

A equipa do Benfica cumpriu e venceu o Gil Vicente na 5.ª jornada da Liga NOS. Em conferência de Imprensa, o treinador das águias referiu que esta foi "uma vitória muito importante".

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

Depois da paragem para os compromissos internacionais, a equipa do Benfica venceu o Gil Vicente (2-0) na 5.ª jornada da Liga NOS.

Bruno Lage, treinador das águias, fez a análise ao triunfo encarnado e mostrou-se satisfeito com o que a equipa conseguiu produzir.

Benfica-Gil Vicente

Análise ao jogo

"Foi uma vitória muito importante. Tivemos uma boa entrada no jogo. Naquela situação [em que sofreu falta na área] creio que o Pizzi até faria o golo. Não fez, foi penálti, falhou, mas a equipa manteve-se sempre no jogo. Tínhamos de ter muita paciência para circular, procurar a largura, procurar atrair o bloco do Gil para um corredor, e depois ter qualidade e procurar a superioridade numérica no corredor contrário."

"Foi uma entrada forte na 2.ª parte com o golo. Deu-nos alguma tranquilidade e depois senti que ficámos confortáveis no jogo. Estávamos nas posições, mas paga-se um pouco caro termos os jogadores longe em compromissos internacionais. Depois temos o jogo [da Liga nos Campeões] na terça-feira, mas são coisas que acontecem. Vencemos por 2-0, são mais três pontos que somamos nesta caminhada, por isso estou plenamente satisfeito com aquilo que fizemos. Estes são os tipos de jogos que fazem das equipas campeãs."

Benfica-Gil Vicente

Fejsa no onze inicial

"O Fejsa é um jogador com muitos anos de casa, com muitos jogos, mas estamos satisfeitos pela produção e também por ele ter ficado connosco. Temos de continuar a acreditar que ele pode dar aquilo que deu ao longo dos anos ao serviço do Benfica. Entrou, jogou, correspondeu, estamos satisfeitos."

Taarabt

Taarabt em destaque

"A vida e o Benfica deram uma oportunidade ao Taarabt. Ele está a agarrá-la. Vejo um homem forte, determinado, feliz... Foi à seleção e regressou como capitão da equipa, e acho que ainda vai a tempo de deixar a sua marca."

Benfica-Gil Vicente

O sexto golo de Pizzi na Liga NOS

"Vejo o trabalho diário dele. Para além da sua qualidade individual, é um jogador que aparece muito... Tem uma entrada forte na área, uma chegada ao golo quase como um avançado. Na bola parada ele nem devia estar ali, mas sentiu que era ali que tinha de estar, e é nisto que eu acredito. Dar liberdade, jogar com as características dos jogadores, mas também que os jogadores tenham liberdade nas suas ações. Ele sentiu que a bola podia cair ali e fez o golo."

Estreia adiada na equipa principal

"Queríamos ter dado a oportunidade ao Tomás Tavares para fazer a sua estreia. É um miúdo que na época passada andou a jogar nos Sub-23. Este ano já começou a trabalhar connosco e também já fez 90 minutos pela equipa B, por isso queríamos dar-lhe a oportunidade para ele fazer a sua estreia na equipa principal. Era aquilo que o jogo pedia. Não foi possível, mas seguramente que haverá mais oportunidades para se estrear no Benfica."

Benfica-Gil Vicente

Dupla atacante: muito trabalho

"Na primeira jogada o Raul [de Tomas] teve a oportunidade de fazer o golo e, tal como em Braga, surge um autogolo. Qualquer jogador tem de ter ânsia para marcar. É uma situação normal, que acontece com toda a gente. O mais importante é verificarmos que o Benfica é uma das equipas mais concretizadoras da Europa, mas acima de tudo olharmos para o trabalho de equipa e para aquilo que é o trabalho dos dois avançados em todos os momentos. Um foi o nosso melhor marcador [Seferovic], o outro [Raul] está em fase de adaptação e vai correspondendo a cada oportunidade, e temos o Jota com uma grande vontade e ambição para entrar na equipa."

Rotatividade no plantel

"Liga dos Campeões na terça-feira? É jogo a jogo. O mais importante era a equipa estar junta, hoje sentir que fez um jogo seguro e com golos. Esta vitória vai trazer-nos moral e teremos mais dois dias para trabalhar. Depois, em função daquilo que é a nossa estratégia, perceber qual é o melhor onze [para o jogo com o Leipzig] e iremos seguramente escolher os jogadores que nos dão segurança para voltarmos a fazer um bom jogo e conseguir uma vitória importante."

Benfica-Gil Vicente

Sintonia entre a equipa e os adeptos

"Os adeptos são fundamentais. Nós não fazemos nada sozinhos. O que eu peço aos jogadores é que mostrem nos jogos a forma como treinam, a forma como trabalham e a alegria que têm em jogar. Tenho a responsabilidade máxima para que os jogadores correspondam em campo e espero que os adeptos tenham alegria em ver-nos. O apoio é constante, e continuem a apoiar-nos. Queremos fazer esta longa caminhada juntamente com os nossos adeptos."

Texto: Diogo Nascimento

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar