19 de outubro de 2019, 13h43

🎥 Ronaldo e Ramos encontraram o caminho do golo

Futebol

O Benfica triunfou no dérbi da 11.ª jornada da Liga Revelação. Mais fortes, as águias venceram o Sporting por 2-1.

RESUMO DO JOGO

A equipa Sub-23 do Benfica venceu o dérbi eterno! Os encarnados levaram a melhor sobre o Sporting por 2-1, em jogo da 11.ª jornada da Liga Revelação. Com este triunfo as águias chegam aos 26 pontos na competição.

Bom início de jogo no Benfica Futebol Campus! As águias, lideradas por Jorge Maciel, tinham mais iniciativa de jogo, enquanto o Sporting tentava criar perigo através de jogadas de contra-ataque. Os encarnados atacavam mais pelo flanco esquerdo, Tiago Araújo estava a ser um autêntico quebra-cabeças para Eduardo Quaresma, o seu marcador direto.

Aos 19' esteve à vista o golo do Clube da Luz. Jair Tavares entregou a Ronaldo Camará, que, já dentro da área, fletiu para dentro e rematou de pé esquerdo, contudo, o disparo do médio encarnado passou a escassos centímetros do poste esquerdo da baliza defendida por Diogo Sousa.

O Benfica era a equipa que mais tentava chegar ao golo e os esforços foram recompensados aos 25'.

[GOLO: 1-0] Canto na direita muito bem trabalhado pelos benfiquistas. Tiago Araújo colocou a bola na zona da meia lua e enganou todos os defesas contrários que esperavam um pontapé batido da maneira tradicional. Ronaldo Camará apareceu fora da área, solto de marcação, e rematou de primeira para um golo de bandeira.

O Sporting não baixou os braços e aos 32' chegou ao empate.

[GOLO: 1-1] Rafael Brito cometeu uma falta no interior da área e o árbitro apontou para a marca de grande penalidade. Pedro Mendes foi chamado a converter o castigo máximo e não perdoou. Bola para um lado e o guarda-redes para o outro.

Até ao final da primeira parte não surgiram mais lances de perigo iminente e as equipas recolheram aos balneários do Benfica Futebol Campus. Ao intervalo: 1-1.

RESUMO DA 1.ª PARTE

Início de 2.ª parte com uma entrada a todo o vapor por parte das águias. 

[GOLO: 2-1] Aos 49', e depois de aproveitar uma desatenção de João Ricciulli, Gonçalo Ramos disparou forte sem hipóteses de defesa. O jogador das águias desferiu um potente remate que beijou com violência as redes da baliza.

O jogo rápido e de passes curtos começou a ser substituído por um jogo mais físico e composto por passes mais longos. A chuva intensa que se fazia sentir no Seixal também não ajudava ao espetáculo. Aos 72', Jorge Maciel efetuou a primeira alteração. Jair Tavares saiu para dar lugar a Tiago Gouveia.

Os leões continuavam em busca de nova igualdade, mas Leo Kokubo mantinha-se firme entre os postes e ia evitando, com qualidade, possíveis ameaças às suas redes.

Aos 84', novo rasgo de virtuosismo por parte de Tiago Araújo. O extremo fletiu do lado direito para o meio, rematou forte, mas o esférico acabou por passar um pouco por cima daquilo que era desejado.

As águias, sólidas defensivamente, conquistaram os três pontos no dérbi eterno. Resultado final: 2-1.

Na próxima ronda da Liga Revelação (12.ª), que se realiza no dia 25 de outubro, às 11h00, o Benfica enfrenta o Marítimo na Madeira.

DECLARAÇÕES

Jorge Maciel (treinador dos Sub-23 do Benfica): "Hoje mostrou-se que o nível da Liga Revelação é muito equilibrado e que as duas equipas que estão no topo da tabela [Benfica e Sporting] têm um nível muito elevado. Foi um jogo bastante competitivo e muito agradável para quem assistiu. Conseguimos o mais importante, que era alcançar os três pontos e diminuir a diferença para o primeiro posto."

Gonçalo Ramos (jogador do Benfica): "Foi um grande jogo. Duas equipas com muita qualidade. Um jogo muito bem disputado por ambas as partes e foi um bom espetáculo, que é aquilo que as pessoas gostam. Conseguimos chegar ao dia de hoje e colocámos em prática tudo aquilo que trabalhámos ao longo da semana."

Benfica-Sporting, 2-1

FICHA  
Campo Campo n.º 1 do Benfica Futebol Campus
Onze do Benfica Leo Kokubo, Ebuehi, Miguel Nóbrega, Morato, Frimpong, Rafael Brito, Paulo Bernardo, Ronaldo Camará, Jair Tavares, Tiago Araújo e Gonçalo Ramos
Suplentes Carlos Santos, Pedro Ganchas, Tomás Domingos, Tomás Azevedo, Diogo Capitão, Sérgio Andrade, Tiago Gouveia e Luís Lopes
Ao intervalo 1-1
Golos do Benfica Ronaldo Camará (25') e Gonçalo Ramos (49')
Marcha do marcador 1-0, 1-1 e 2-1

Texto: Diogo Nascimento

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar