8 de novembro de 2019, 13h19

Ambição em ano de estreia na Golden League

Judo

Equipa feminina de judo do SL Benfica vai lutar pelo título europeu, numa prova que decorre dia 16 de novembro, sábado, no Pavilhão Multiusos de Odivelas.

É com raça, ambição, talento e muita qualidade que a equipa feminina de judo do SL Benfica encara a sua estreia na Golden League – a Liga dos Campeões da modalidade – no dia 16 de novembro (sábado), em Odivelas.

Cidade Europeia do Desporto 2020, Odivelas recebe no seu Pavilhão Multiusos a Champions League de judo, principal prova europeia de clubes a nível europeu, reunindo as oito melhores equipas do Velho Continente, nas vertentes masculina e feminina, com a presença de judocas de nível olímpico.

Antevisão à Golden League

"O nível da competição está muito elevado, com equipas muito habituadas a este tipo de competição e que se reforçaram este ano para conquistarem o título. Nós participaremos pela primeira vez na prova, mas isso não nos retira ambição, ainda para mais representando este Clube. Temos muito valor individual, apenas precisamos de estar emocionalmente bem no dia", explicou o treinador das águias, Jorge Gonçalves, em declarações exclusivas ao Site Oficial.

Portugal conta com duas equipas, competindo nas duas vertentes da competição. A equipa do Sport Lisboa e Benfica é a representante lusa no género feminino, contando com várias internacionais portuguesas, como a medalhada olímpica Telma Monteiro (57kg), a vice-campeã do mundo Bárbara Timo (70kg) e a recente medalha de prata no Open da Oceânia Rochele Nunes (+78kg).

Antevisão à Golden League

Na busca pelo título europeu, e no total de cinco atletas em cinco categorias muito homogéneas, as águias contam ainda com Odette Giuffrida (52kg), vice-campeã olímpica, e Juul Franssen (63kg), bronze mundial em 2018 e 2019.

Em ano de estreia, mas com muita ambição, o SL Benfica vai enfrentar a concorrência cerrada de três equipas francesas, Flam 91 Longjumeau, Judo Club Pontault Combault e Red Star Club de Champigny, ou seja, uma vencedora da Liga dos Campeões 2018, outra vice-campeã da Liga dos Campeões 2018 e outra vencedora da Liga Europa 2018; uma equipa russa, Yawara-Neva Saint Petersburg (vencedora da Liga dos Campeões 2017); uma espanhola, Valencia Club de Judo (vencedora da Liga Europa 2017); uma turca, Galatasaray SK Istanbul (medalhada todos os anos na Liga dos Campeões); e uma romena, U-CSM Dinamo Cluj Napoca.

Bárbara Timo

"Vamos apenas com cinco atletas em cinco categorias de peso. Isso retira-nos eventuais estratégias de encontro para encontro, mas sabemos que qualquer atleta nossa pode ganhar a todas as outras adversárias. Precisamos de três vitórias em cinco combates para ganhar cada encontro. E isso é possível! Vamos para cada encontro com humildade, confiança, determinados e concentrados em ganhar os cinco combates", anteviu o técnico.

Olhando em específico para a Golden League e à forma competitiva como se vai processar, esta é uma competição de características diferentes das que existem normalmente no judo. Ou seja, aqui todas as atletas lutam para um só objetivo comum, a vitória do seu clube. Por cada encontro existem cinco combates e quem ganhar três, conquista o encontro para a sua equipa.

Rochele Nunes

A Golden League irá desenrolar-se no dia 16 de novembro (sábado) no Multiusos de Odivelas, com início previsto para 10h00, e Jorge Gonçalves deixa o convite à Família Benfiquista.

"Para este dia 16, para além de queremos vencer, pretendemos ver o Pavilhão Multiusos de Odivelas repleto de vermelho. Precisamos dos adeptos para lutarem connosco. Façam o judo internacional conhecer o que é o Inferno da Luz. Da nossa parte, lutaremos com um orgulho enorme pelo Clube que representamos e daremos tudo para conquistar este ambicionado título", concluiu em jeito de repto.

Texto: Sónia Antunes

Fotos: Cátia Luís / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar