17 de novembro de 2019, 13h08

🎥 Cabeceamento certeiro leva águias à vitória

Futebol feminino

O Benfica venceu por 1-2 o CF Benfica, no jogo referente à 7.ª jornada da Liga BPI.

RESUMO DO JOGO

A equipa feminina de futebol do Sport Lisboa e Benfica deslocou-se, este domingo, ao Estádio Francisco Lázaro, onde venceu por 1-2 o CF Benfica, na 7.ª jornada da Liga BPI.

A jogarem de cinzento e branco, as encarnadas mostraram desde cedo a superioridade que as caracteriza. Com um bom controlo de bola, as águias tentavam chegar à baliza do Fofó, como é conhecido o CF Benfica, conseguindo criar algumas ocasiões.

Aos 10’, Pauleta rematou de longa distância, obrigando a guarda-redes adversária a mostrar os seus níveis de atenção e a evitar o primeiro golo da partida.

O jogo continuava a incidir sobretudo no ataque do Clube da Luz, contudo, a formação da casa fazia de tudo para fechar os espaços. As águias insistiram e à passagem do minuto 26 conseguiram mesmo concretizar.

[GOLO: 0-1] Depois do canto batido por Yasmim, Geyse apareceu no sítio certo e, de cabeça, atirou a bola para dentro das redes à guarda de Aline Lima, inaugurando assim o marcador no Estádio Francisco Lázaro.

Aos 36’, a guardiã encarnada Dida foi chamada a intervir e a fazer uma grande defesa, que deu canto para as adversárias.

No lance de bola parada, ao minuto 37, o Clube Futebol Benfica chegou mesmo à igualdade, sendo a primeira equipa a marcar às águias na Liga BPI.

[GOLO: 1-1] Na tentativa de canto direto, a bola foi em direção ao ângulo superior esquerdo da baliza de Dida, que, quando se preparava para desviar o esférico, este já estava dentro da baliza. O resultado ficou então empatado a uma bola ao intervalo.

RESUMO DA 1.ª PARTE

A partida recomeçou e o panorama não estava muito diferente da primeira parte. Via-se mais Benfica, a atacar e a tentar criar perigo.

Aos 54’, grande oportunidade para o Benfica, com Nycole, em frente à baliza, a atirar com potência por cima das redes contrárias.

Minutos mais tarde (61’), a camisola 28 do Benfica tentou de novo e desta vez não desperdiçou a oportunidade de estabelecer a vantagem.

[GOLO: 1-2] Grande passe em profundidade de Darlene para o corredor direito, onde estava Daiane, que cruzou para a área do Fofó, aparecendo Nycole para o cabeceamento do 1-2.

À passagem do minuto 78, Luís Andrade fez a primeira alteração no xadrez: Nycole, autora do segundo golo, saiu para dar entrada a Evy Pereira.

Com muitas paragens pelo meio, o desafio baixou o ritmo, mas o Benfica, que contou com cerca de 200 adeptos nas bancadas do Estádio Francisco Lázaro, mantinha-se por cima, tanto no marcador como dentro de campo.

O técnico do Clube da Luz, Luís Andrade, recorreu a nova substituição aos 86’, dando lugar a Andreia Faria, que fez a vez de Ana Vitória.

A poucos minutos do final da partida, Evy Pereira teve nos pés a oportunidade de dilatar o resultado, mas o esférico acabou por sair por cima da baliza de Aline Lima. Manteve-se então o 1-2 no placard, que fechou o desafio com a vitória do Benfica.

As encarnadas seguem assim em 1.º lugar da tabela classificativa, com um pleno de 7 vitórias em 7 jogos e na próxima jornada (8.ª), marcada para o dia 24 de novembro, recebem o Clube Albergaria/Durit no Estádio da Tapadinha.

DECLARAÇÕES

Futebol feminino

Luís Andrade (treinador do Benfica): “Já sabíamos que íamos ter algumas dificuldades, o que nós não estávamos à espera era de uma equipa muito defensiva e isso criou-nos algumas dificuldades, mas as jogadoras estão preparadas para qualquer tipo de adversário. Estivemos bem. Sofremos um golo, acontece. É futebol. O nosso objetivo é alcançar sempre os três pontos. Parabéns também ao adversário, uma boa equipa.”

Futebol feminino

Pauleta (jogadora do Benfica): “A nossa equipa é muito forte, tem uma união muito grande e penso que foi por isso que tivemos sucesso hoje. Conseguimos chegar mais à área, ter mais remates à baliza e foi isso que nos diferenciou. Jogámos em relvado sintético, mas tivemos a capacidade de nos adaptar.”

CF Benfica-Benfica, 1-2

FICHA  
Local Estádio Francisco Lázaro
Onze do Benfica Dida, Daiane, Sílvia Rebelo, Raquel Infante, Yasmim, Pauleta, Ana Vitória, Geyse, Nycole, Darlene e Cloé Lacasse
Suplentes Íris Silva, Andreia Faria, Patrícia Llanos, Annaysa, Catarina Amado, Evy Pereira e Tita
Ao intervalo 1-1
Golos do Benfica Geyse (26') e Nycole (61')
Marcha do marcador 0-1, 1-1 e 1-2

Texto: Márcia Dores

Fotos: David Martins / SL Benfica 

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar