19 de novembro de 2019, 16h29

Força extra da bancada para superar Voltregà

Hóquei em Patins Feminino

Encarnadas recebem as campeãs europeias em título neste sábado, dia 23, pelas 16h00.

Depois de uma goleada, por 1-17, frente ao CS Noisy le Grand, em França, em que o apoio dos adeptos foi muito importante para um arranque com o pé direito na Liga Europeia, espera-se uma boa casa neste embate muito importante para as ambições benfiquistas.

A equipa feminina de Hóquei em Patins vai ter pela frente um duro teste frente ao Voltregà, formação que eliminou as águias na época passada após uma vitória, por 4-3, no conjunto das duas mãos.

Apesar deesta memória negativa, o Benfica levou a melhor no Pavilhão Fidelidade com uma vitória por 2-1 e é essa a lembrança que está presente no grupo como motivação para garantir três pontos importantes nesta caminhada na principal prova europeia de clubes.

O arranque menos conseguido das catalãs pode também ser um fator de incentivo. Com quatro vitórias, três empates e uma derrota em oito partidas disputadas, ocupam a terceira posição nas competições internas. Já na Liga Europeia ocupam o segundo posto, fruto de um empate a zero diante do Manlleu. As espanholas vêm de três jogos consecutivos sem conhecer o sabor da vitória, entre campeonato e Liga Europeia.

Embora o início de época não tenha sido o melhor, esta formação tem um currículo, nas competições europeias, que fala por si, com seis títulos na Liga Europeia de Hóquei em Patins, sendo que três deles foram conseguidos nos últimos quatro anos, à exceção de 2017/18 em que o troféu foi levantado pelo Gijón HC.

Festejos

Com algumas mudanças no plantel para esta nova temporada, destaca-se a contratação de Aina Arxé ao Benfica, que volta ao clube no qual alinhou antes de representar as encarnadas. Laura Barcons, internacional espanhola proveniente do Manlleu, é também uma das caras novas para atacar os objetivos internos. A avançada é a melhor marcadora com nove golos no mesmo número de desafios. Em relação às saídas, o destaque vai para a argentina Adriana Gutiérrez que se transferiu para o Sporting.

Para conseguir levar de vencida este oponente, que conta com duas internacionais espanholas pela seleção principal, a guarda-redes Teresa Bernadas e a avançada Laura Barcons, e ainda uma internacional italiana Viana Carreta, a única estrangeira no atual grupo de trabalho composto por dez desportistas, é imperativo um elevado apoio das bancadas como aquele que se tem feito sentir ao longo do ano, não só nos encontros em casa, mas também nas deslocações, como é exemplo o embate frente ao CS Noisy Le Grand na 1.ª jornada da Liga Europeia.

A entrada para este desafio é livre e importante para ajudar a alcançar uma vitória que pode colocar as águias numa posição privilegiada para passar à próxima fase da competição. O Pavilhão Fidelidade recebe este duelo de gigantes a partir das 16h00 deste sábado (dia 23).

Fotos: SL Benfica 


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar