26 de novembro de 2019, 19h28

Odysseas: "Ainda temos chances e vamos dar o nosso melhor"

Futebol

No lançamento do duelo em Leipzig, o guarda-redes do Benfica afiançou que a equipa não considera encerradas as contas de permanência na Champions.

As contas de apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões são complicadas para o Benfica, mas ainda não estão encerradas. Odysseas agarra-se às hipóteses "realísticas" e garantiu que a equipa vai dar tudo para alcançar na Alemanha um resultado que lhe sirva.

"Sentimo-nos bem, em forma e temos de refletir isso dentro de campo, jogo a jogo", assumiu o guarda-redes, à BTV e em conferência de Imprensa, na projeção do duelo com o Leipzig, o comandante do Grupo G que as águias enfrentam na 5.ª jornada da Champions League às 20h00 de quarta-feira.

Como encara esta partida?

É um jogo muito importante. Como sempre acontece na Liga dos Campeões, todas as equipas procuram dar o seu melhor, e nós queremos ganhar.

Que aspetos podem fazer a diferença neste reencontro com o Leipzig?

Temos de seguir o plano que o treinador e o staff traçaram para esta partida. Eles prepararam-nos muito bem e agora temos de dar o nosso melhor dentro de campo.

Sente que o seu papel neste jogo com o Leipzig, líder do Grupo G, pode ser decisivo para a continuação do Benfica na Liga dos Campeões?

Toda a equipa vai ter de defender. É isso que mostramos nos jogos, funcionamos em bloco, toda a gente trabalha com o mesmo objetivo. Estamos bem preparados para este jogo e vamos dar o nosso melhor.

Odysseas

O que é que mais teme nesta equipa do Leipzig, que tem marcado muitos golos e tem jogadores em grande forma, como é o caso de Timo Werner?

Conheço muito bem o Timo Werner, jogámos juntos durante muito tempo na nossa juventude. Sabemos que a equipa do Leipzig tem ótimas qualidades, possui avançados rápidos, mas o nosso treinador preparou-nos para isso.

Os resultados do Benfica em Portugal têm sido melhores do que na Liga dos Campeões. Como explica estas duas faces?

Os nossos jogos neste grupo da Champions foram sempre muito apertados. Sentimo-nos bem, em forma e temos de refletir isso dentro de campo, jogo a jogo.

Só a vitória permite sonhar com a próxima fase. Estão conscientes da importância desportiva e financeira que este jogo encerra?

É sempre importante ganhar jogos na Liga dos Campeões, jogar ao nível Champions League. Ainda temos chances realísticas de avançar para a próxima fase e é com essa mentalidade que vamos entrar no jogo. Entramos sempre para vencer, e no final fazemos as contas.

Que significado tem para si esta oportunidade de voltar a jogar na Alemanha com a camisola do Benfica?

É muito simpático poder voltar ao país onde nasci. Este regresso deixa-me um sentimento muito bom.

Texto: João Sanches

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar