9 de abril de 2020, 15h54

Inês Fernandes: "Já faltou mais, cuidem dos vossos!"

NewsBenfica

Mensagem de resiliência da capitã da equipa feminina de futsal – e médica! – no editorial da News Benfica desta quinta-feira.

Rotinas destruídas, vidas viradas do avesso, tudo novo, reina a mudança! A pandemia COVID-19 continua bem presente no mundo, mas da mesma forma vingam, crescem e renascem a esperança, a fé e o otimismo. "Já faltou mais"... eis o mote da capitã do futsal e médica Inês Fernandes.

São tempos de mudança, um mundo que se quer admiravelmente novo depois de tudo isto passar, de tudo isto sairmos vitoriosos. Adaptação exige-se, bem como consciência, muita consciência, pois nunca como agora o "Juntos" é o segredo! E o Sport Lisboa e Benfica continua a dar o exemplo, com ações muito concretas... Sim, é também tempo de agir!

"É difícil distinguir os dias desde o início desta pandemia, mas sei que há pouco mais de quatro semanas realizei o meu último treino com a equipa, e que também tinha sido o primeiro após uma paragem de duas semanas devido a lesão. Ainda não tinha sido anulada a Final Four da Taça de Portugal Feminina de Futsal, mas a decisão surgiria no dia seguinte com algum alívio da nossa parte. A nossa saúde e a de todos nós em primeiro lugar!", explica Inês Fernandes, no editorial com a sua assinatura, na News Benfica desta quinta-feira, online no Site Oficial do Clube.

Ines Fernandes

"Temos de desempenhar o nosso papel com rigor para ajudar ao sucesso de todos"

"Desde então, a minha rotina aumentou de ritmo e acelerou", revela a capitã, agradecendo as mensagens enviadas por vários "benfiquistas e adeptos do desporto em geral". "Não pude responder a todos, mas estou muito grata e garanto-lhes que estou bem", vinca.

Para – e muito! – além de ser quem enverga a braçadeira das Tricampeãs de Futsal, Inês Fernandes é também médica, e não tem sido fácil. Acima de tudo, são as prioridades que agora, mais do que nunca, vêm ao de cima.

"Só senti saudades do futsal ontem… quando o Facebook me relembrou do Torneio Europeu de 2018. A vida de atleta tem estado em 'standby' e tem sido difícil compatibilizar a flexibilidade dos turnos e as horas de sono alteradas e descontínuas com treinos caseiros para manter a forma", desvenda a profissional de saúde, elencando de pronto uma breve lista de "orgulhos" e gratidão...

"Em geral, tenho orgulho dos Portugueses! Daqueles que estão na linha da frente: forças de segurança, bombeiros, profissionais de saúde, auxiliares de limpeza e todos aqueles que mantêm o saneamento extra das nossas cidades, camionistas e motoristas dos transportes públicos, voluntários, todos os trabalhadores das superfícies comerciais e das outras indústrias que se desdobram para termos acesso ao material básico para sobreviver e vencer esta epidemia; daqueles que nos bastidores contribuem com o seu empreendedorismo e a sua solidariedade para termos cada vez mais material de proteção individual, dispositivos médicos e capacidade logística para acolher quem está doente; e daqueles que percebem que, às vezes mesmo se não pudermos fazer bem, devemos não fazer mal e permanecermos em casa a respeitar as regras de distanciamento social", enumera a capitã. 

Futsal Feminino

"Devemos ser consistentes no nosso trabalho e esforço. Não vacilemos"

E é com um discurso de quem mexe na redondinha dentro das linhas que a camisola 6 inicia o contra-ataque final do editorial.

"Tal como numa equipa em qualquer modalidade coletiva, temos de desempenhar o nosso papel com rigor para ajudar ao sucesso de todos! E tal como qualquer equipa que pretende ganhar uma prova, devemos ser consistentes no nosso trabalho e esforço!", eis a tática para a vitória.

A fechar, a universal, internacional portuguesa, deixa um último pedido...

"Não vacilemos no nosso compromisso até ao final do mês de abril. Se cumprirmos o distanciamento social e sairmos à rua apenas para o básico e com máscara (seja ela de tecido básico) e lavarmos as mãos frequentemente, iremos ultrapassar esta batalha com a consciência o mais tranquila possível e a sensação que só temos as mortes inevitáveis a lamentar! Já faltou mais! Cuidem dos vossos!", remata Inês Fernandes.

Fotos: SL Benfica

PATROCINADORES MODALIDADES


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar