30 de outubro de 2020, 00h26

Pizzi: "Era importante brindar o público com uma grande vitória" 

Futebol

O Benfica foi mandão, impôs o ritmo da partida e venceu o Standard Liège na 2.ª jornada do Grupo D da Liga Europa.

DECLARAÇÕES

Pizzi fez um bis e foi um dos elementos em maior destaque no triunfo do Benfica sobre o Standard Liège (3-0). As águias foram imponentes, não deram hipótese e continuam na liderança – seis pontos em outros tantos possíveis – do Grupo D da Liga Europa.

"A nível individual foi um bom jogo, mas ao nível coletivo foi ainda melhor. Desde o primeiro momento que controlámos muito bem a partida. Tivemos bons números de posse de bola, circulámos bem o esférico de um flanco ao outro para desmontar a linha de cinco com que o Standard Liège defendia. Tivemos muita paciência e nunca demos espaço para saírem em contra-ataque. A chave do sucesso foi termos paciência, uma boa posse de bola e na segunda parte os golos acabaram por surgir. Era importante brindarmos este público com uma grande vitória", garantiu Pizzi na entrevista rápida.

"Estamos muito felizes por ter o nosso público de volta. Acho que se deveria começar a pensar nisso a sério para o nosso Campeonato. O futebol português iria ter mais qualidade e mais espetáculo, porque todo o desporto merece ter os adeptos por perto", explicou.

Um penálti convertido e um remate em arco que culminou num golaço... foi este o contributo individual de Pizzi, que até poderia ter feito um hat-trick, contudo, preferiu dar a outro colega a oportunidade de colocar o nome na lista dos marcadores.

Benfica-Standard Liège

"O Luca [Waldschmidt] pediu-me para bater o penálti. Eu já tinha marcado o primeiro, e como isto é uma equipa e não vivemos do individual, achei por bem para ele também ganhar confiança. É um jogador novo, precisa de confiança, tem muita qualidade e achei por bem que isso acontecesse. Somos uma equipa. Não importa quem faz os golos ou quem marca os penáltis. O importante foi a equipa vencer, e felizmente o Luca bateu, e bateu muito bem", referiu.

Questionado sobre a braçadeira de capitão no braço de Otamendi, o camisola 21 das águias foi perentório e enalteceu a qualidade do colega de equipa – reforço do Benfica para a época 2020/21. "O Otamendi tem um histórico que já fala por si. É um jogador de grande qualidade e, como costumo dizer, é um senhor dentro de campo. Sabe estar, sabe falar e sabe ajudar os colegas a tomar as melhores decisões. É mais um dos capitães, e certamente que nos vai ajudar a conquistar muitas vitórias", vincou.

A sequência de partidas continua e no próximo dia 2 de novembro o Benfica volta a entrar em campo. O Clube da Luz visita o Estádio do Bessa onde irá defrontar o Boavista. Uma partida relativa à 6.ª jornada da Liga NOS. "Esta sequência de jogos é normal nas equipas grandes. Felizmente temos um plantel com muita qualidade e que dá ao míster todas as opções que ele quer. Estamos todos de parabéns. Somos um grupo muito forte e temos vindo a mostrar isso desde o primeiro momento", finalizou.

Texto: Diogo Nascimento

Fotos: Isabel Cutileiro e Tânia Paulo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar