Futebol

22 maio 2021, 20h05

Festejos do Benfica no clássico

RESUMO DO JOGO

Tudo decidido na II Liga, com o Benfica B, após estar em desvantagem, a concretizar a reviravolta e a vencer o clássico da 34.ª e última jornada da prova. No Benfica Campus, 2-1, justíssimo, para as águias.

À partida, frente a frente o 9.º classificado (Benfica B) e o 15.º, na luta para evitar a despromoção, o FC Porto B, com oito jogadores utilizados nesta época na equipa principal a entrarem no onze que nesta tarde subiu ao relvado do Campo n.º 1 do Benfica Campus.

Início intenso, com vários duelos interessantes de seguir e muita ambição em campo. Duas equipas a quererem ganhar, pressão alta e linhas subidas logo na primeira fase de construção.

Primeiros 15 minutos sem golos e com apenas duas finalizações, ambas para os azuis e brancos: um cabeceamento de Evanilson (5'), por cima do ferro; uma grande defesa de Svilar a dizer "não" a Francisco Conceição (14').

Henrique Araújo

O FC Porto B apostava num futebol mais organizado, maior posse de bola, já o Benfica, a soltar-se, a explorar as costas da defensiva adversária, com passe longos, na profundidade, a chamar os homens mais da frente. Destaque aqui para Tomás Araújo, com uma visão e precisão extraordinárias.

Meia hora decorrida, Benfica B a equilibrar, dois remates de Tiago Gouveia, um cabeceamento de Henrique Araújo à figura de Diogo Costa, jogo bom, bom ritmo, disputado... bom de seguir, mas sem golos!

Aos 38', jogada de Francisco Conceição, a abrir na esquerda para João Mário, que, no cara a cara com Svilar, finalizou para o 0-1. Até ao intervalo, o resultado não se alterou.

Reinício de jogo eletrizante! Svilar mostrou serviço e resolveu os intentos de Francisco Conceição; na resposta, o empate. Cruzamento na direita, com conta, peso e medida de Umaro Embaló, com Tiago Gouveia, no momento certo, à hora certa, a cabecear com classe para o 1-1.

Benfica B fortíssimo, a entrar com tudo e a estar muito perto da vantagem aos 51'. Os papéis inverteram-se, Tiago Gouveia serviu Umaro Embaló, mas o esférico embateu com estrondo no ferro.

Umaro Embaló

Tudo empatado no Seixal e resposta do FC Porto B, a levar perigo às redes encarnadas. Grande jogo! Desafio de alternâncias, com as equipas a repartirem o domínio e várias oportunidades. Muita qualidade em campo.

Aos 71', a reviravolta! Mais um lance de bola parada, Frimpong no cruzamento, com Diogo Mendes a subir mais alto e a cabecear com classe para o 2-1.

Contrariedade para as águias aos 78'. Segundo amarelo para Kalaica mostrado por Manuel Oliveira, vermelho, com o Benfica a jogar os derradeiros minutos em inferioridade numérica. 

Antes do fecho da partida, destaque para o regresso de Daniel dos Anjos à competição, e também para a estreia absoluta de Gonçalo Loureiro na equipa B dos encarnados.

O jogo aqueceu, minutos finais emocionantes, com o Benfica B, solidário e consistente, a segurar, com muita inteligência, a vantagem. Triunfo final para as águias, por 2-1.

Contas fechadas. O Benfica B termina a competição na 8.ª posição, com 44 pontos, fruto de 12 vitórias, 8 empates e 14 derrotas, com 52 golos marcados e 43 sofridos.

Nélson Veríssimo

DECLARAÇÕES

Nélson Veríssimo (treinador do Benfica B): "Os nossos jogadores estão de parabéns pelo jogo que fizeram. Foi um jogo difícil, na primeira parte foi muito equilibrado, com as duas equipas, como seria de esperar, a equilibraram-se muito bem, na procura do golo. Houve momentos em que uma equipa esteve mais por cima do que a outra, o que é perfeitamente natural, a criar ocasiões. Na segunda parte demos uma grande resposta naquilo que foi o domínio do jogo, nas oportunidades criadas e penso sinceramente que fomos justos vencedores. Tivemos aquele período em que jogámos com menos um, e ainda assim a equipa soube-se organizar. Agora é encerrar esta época e pensar já na próxima."

Tomás Araújo ("Homem do Jogo"): "É sempre bom receber este prémio, mas quero realçar o trabalho da equipa. Viemos de uma desvantagem ao intervalo, na segunda parte entrámos com tudo, demos a volta, mantivemos o resultado e foi uma grande vitória. A II Liga é muita competitiva e tornei-me um jogador muito mais intenso. Agora é continuar a trabalhar."

Tiago Gouveia (atacante): "O Benfica é isto! Raça, querer, vontade, intensidade, o Benfica é tudo! E foi isso que demonstrámos dentro de campo, fomos Benfica. Não é fácil, estivemos a perder ao intervalo, e demos a volta na segunda parte. Todos juntos, como equipa, como uma família, conseguimos fazê-lo e sair daqui com mais três pontos, que era o mais importante."

Festejos

Benfica B-FC Porto B
2-1
Benfica Campus, Campo n.º 1
Onze do Benfica B
 Svilar, João Ferreira (Gonçalo Loureiro, 84'), Tomás Araújo, Kalaica, Godfried Frimpong, Diogo Mendes (Filipe Cruz, 84'), Vukotic (Rafael Brito, 64'), David Tavares, Tiago Gouveia (Samuel Pedro, 75'), Umaro Embaló e Henrique Araújo (Daniel dos Anjos, 84')
Suplentes
 Fábio Duarte, Samuel Pedro (75'), Luís Lopes, Rafael Rodrigues, Rafael Brito (64'), Filipe Cruz (84'), Martim Neto, Daniel dos Anjos (84') e Gonçalo Loureiro (84')
Ao intervalo 0-1
Golos do Benfica B
 Tiago Gouveia (48') e Diogo Mendes (71')
Boletim clínico
 Pedro Álvaro (lesão muscular na coxa direita); Paulo Bernardo (contusão do tornozelo direito); Pedro Ganchas (status pós-cirúrgico do complexo articular do ombro esquerdo) e Sandro Cruz (lesão muscular na coxa esquerda)

Texto: Sónia Antunes
Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 22 de maio de 2021

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar