Andebol

05 junho 2021, 19h42

Ole Rahmel

RESUMO DO JOGO

O Benfica está na final da Taça de Portugal de andebol. Este sábado, no Pavilhão Multiusos de Pinhel, os encarnados ultrapassaram o Sporting, por 24-26. 

Até chegarem a esta final four, as águias deixaram pelo caminho as formações do Albicastrense, Alto Moinho e SC Horta; os verdes e brancos ultrapassaram o Marienses, Xico Andebol e São Paio de Oleiros

Na quadra, o Benfica começou melhor, mostrou grande eficácia ofensiva e teve em Sergey Hernández um gigante entre os postes. Com o passar dos minutos, o Sporting recuperou no marcador e até passou para a frente através de uma defesa agressiva e contra-ataques venenosos. O treinador Chema Rodríguez foi obrigado a pedir desconto de tempo e as dinâmicas ofensivas dos encarnados mudaram para melhor. Pouco depois dos 20 minutos, de novo o Benfica na frente (10-11). 

A intensidade no dérbi era tremenda e o equilíbrio registava-se como tónico dominante. A primeira parte teve várias alternâncias no marcador e ainda vários empates, resultado com que se chegou ao intervalo: 11-11

Sporting-Benfica

Tal como o primeiro tempo, também a etapa complementar a ser bastante equilibrada, com as duas equipas empatadas em grande parte dos 10 minutos iniciais. A partir daqui, o Benfica apontou dois golos sem resposta e ficou na dianteira do resultado, colocando a nu algumas dificuldades leoninas na construção ofensiva. 

Golo cá, golo lá num dérbi bem jogado e sempre com as águias na frente, ora com diferença de dois golos, ora com apenas um de vantagem. Até final, houve muita emoção, mas o triunfo já não fugiu aos da Luz, que venceram por 24-26 e marcam presença na final da Taça de Portugal, com lugar em Pinhel, este domingo, às 17h00. Pela frente, na partida de atribuição do troféu da prova-rainha, as águias terão o FC Porto, que na outra meia-final bateu o Águas Santas.

DECLARAÇÕES

Chema Rodríguez (treinador do Benfica): "O jogo foi o que esperávamos. Todas as partidas que jogámos com o Sporting foram muito renhidas. Ganhámos este jogo e assim podemos disputar a final, que é muito importante. Temos mais um jogo para fazer e se queremos ganhar o troféu já sabíamos que tínhamos de fazer dois jogos. Amanhã [domingo] vamos tentar conquistar a Taça de Portugal."

Sergey Hernández (guarda-redes do Benfica e MVP do dérbi): "Estar na final era o que queríamos. Demos 100% para conseguir esta vitória, que era o mais importante. A comparar com outros jogos, até tive um jogo mais tranquilo. Estivemos bem taticamente e, felizmente, estamos na final."

Sporting-Benfica

Sporting-Benfica
24-26
Pavilhão Multiusos de Pinhel
Formação inicial do Benfica
  Sergey Hernández, Mahamadou Keita, Petar Djordjic, Francisco Pereira, Bélone Moreira, Matic Suholeznik e Paulo Moreno
Suplentes
 Gustavo Capdeville, João Pais, Nyokas, Arnau García, Pedro Loureiro, Carlos Martins, Lazar Kukic, Luciano da Silva e Ole Rahmel
Ao intervalo 11-11
Marcadores do Benfica
 Petar Djordjic (12), Ole Rahmel (5), Nyokas (2), Lazar Kukic (2), Matic Suholeznik (2), Mahamadou Keita (1), Arnau García (1) e Francisco Pereira (1)

 

Texto: Marco Rebelo
Fotos: SL Benfica
Última atualização: 5 de junho de 2021

Patrocinadores Andebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar