Futebol

06 agosto 2021, 15h18

Jorge Jesus

ANTEVISÃO

A primeira jornada da Liga Bwin 2021/22 está aí e o arranque está marcado para Moreira de Cónegos. Jorge Jesus já fez a antevisão, em conferência de Imprensa, do Moreirense-Benfica deste sábado, pelas 18h00, no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas. 

Jorge Jesus confessa que na sua mente o Spartak ocupa um espaço importante, porém, na 1.ª jornada da Liga Bwin, o rival Moreirense também é para bater, após conseguido o triunfo em Moscovo, na 1.ª mão da 3.ª pré-eliminatória de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões.

Antes do confronto em Lisboa, terça-feira, dia 10, o embate em Moreira de Cónegos apresenta desafios substanciais para os encarnados. As dúvidas em termos físicos de atletas como Vertonghen e Lucas Veríssimo podem levar à mudança de sistema tático, as lesões de Seferovic e Rodrigo Pinho colocam o novo reforço do Benfica, Yaremchuk, nas opções, isto perante um "Moreirense que cria sempre dificuldades aos grandes". Mas uma boa notícia para o futebol deixa o técnico e o grupo de trabalho já ansiosos: o regresso do público aos estádios e o reencontro com a apaixonada massa adepta do Benfica.

Jorge Jesus

Benfica vem de uma temporada sem atingir os objetivos a que se propôs, em que fez o maior investimento, ao contrário do que tem feito para esta época. É um fator de pressão?

Pressão há sempre, treinando e jogando numa grande equipa como o Benfica é assim. A exigência é ganhar, já não sei conviver ao contrário. Se trabalhasse numa equipa sem pressão, não trabalhava. É um motivo de responsabilidade e não tira capacidade de render e analisar.

Que comentário faz ao regresso dos Benfiquistas e dos adeptos em geral aos estádios?

Quanto aos adeptos, este vai ser o nosso primeiro jogo do Campeonato... é um sentimento muito profundo. Quem está neste mundo sente que o futebol sem adeptos não tem muito cabimento. Trabalhamos para sentir e ter o calor dos adeptos, principalmente no Benfica em que os adeptos são muito importantes. Onde o Benfica joga,  praticamente 80 a 90 por cento são adeptos do Benfica. Estamos muito felizes e desejosos para o primeiro jogo no Estádio da Luz, já terça-feira, onde vamos estar em contacto com os nossos adeptos. De certeza que nos vão ajudar muito com o Spartak.

Jorge Jesus

O Benfica discute o acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões nesta fase da época. Como tem sido feita a gestão e qual a prioridade no Clube? 

Estes jogos da Champions são fundamentais desportiva e financeiramente. Não temos muito tempo, conseguimos ou não. Vamos começar o campeonato, temos 34 jornadas para jogar. Estamos a dar prioridade aos dois jogos da Champions para que a equipa faça o segundo jogo da eliminatória com a capacidade física que se viu em Moscovo. Hoje [esta sexta-feira] é que os jogadores vão dar indicações para tomar opções. O meu foco e prioridade está mais virado para o Spartak.

Com o pouco tempo de intervalo entre o jogo com o Spartak Moscovo e o Moreirense, como preparou o jogo?

Como preparei? Não preparei nada ainda, chegámos de Moscovo. Vamos treinar esta tarde [sexta-feira] depois de Moscovo, mas temos a vantagem de já nos conhecermos bem e é mais fácil.

Jorge Jesus

Na linha da frente perdeu Seferovic em Moscovo, há a questão de Rodrigo Pinho, e Yaremchuk? Poderá ser já opção?

A ideia de trazer o Yaremchuk foi precisamente pensando que poderá ser útil no jogo. Temos dois avançados que podem ficar de fora por lesão... o Seferovic sim, o Rodrigo [Pinho] não tanto. O Yaremchuk vai estar na convocatória, sem dúvida.

Tenciona voltar a jogar com três defesas-centrais?

Poderá mudar. Tem a ver com o treino, dois jogadores apresentam alguma fadiga muscular, Vertonghen e Lucas Veríssimo, e podemos ter de alterar em função disso.

O Moreirense lutou pela Europa e surge entre dois jogos europeus, devia ter havido atenção na calendarização para o Benfica arrancar em casa? Em que patamar coloca o Moreirense na luta neste campeonato?

O Moreirense ficou em 8.º no ano passado, conhecemos e sabemos que as equipas grandes têm alguma dificuldade em vencer em Moreira de Cónegos. Não mudou muito, no treinador sim, só dois ou três jogadores novos no onze, e sabemos que vamos ter um jogo difícil pelo que o Moreirense tem transmitido ao longo dos últimos anos. Quanto ao jogo, o ideal era não ter este jogo no meio dos dois da Champions, mas por isso é que o plantel está preparado, tem mais do que dois jogadores por posição para fazer mudanças jogo a jogo. Isso é o que vamos fazer.

Camisolas Benfica Adidas 21/22

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 6 de agosto de 2021

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar