Futebol feminino

09 setembro 2021, 22h01

Festejos do apuramento inédito

RESUMO DO JOGO

A equipa feminina de futebol do Sport Lisboa e Benfica fez história! Batendo o Twente, dos Países Baixos, na segunda mão da Ronda 2 por 4-0, as Inspiradoras asseguraram a inédita presença na fase de grupos da Liga dos Campeões, onde estão as 16 melhores da Europa!

O Benfica começou cedo a procurar a baliza contrária, assediando o último reduto do Twente. Aos 5' Sílvia Rebelo deu o sinal de perigo na sequência de um pontapé de canto na direita, mas o cabeceamento saiu frouxo e para as mãos de Daphne van Domselaar.

A guardiã holandesa teve de ir ao relvado aos 9', quando Andreia Faria rematou rasteiro junto ao seu poste esquerdo. Mas o Twente foi paulatinamente tendo mais bola, gerindo a posse da mesma. O Benfica, expectante, viu Giesen a disparar aos 17' ao lado da baliza de Letícia.

As forasteiras, pressionantes, deram poucos espaços às encarnadas, que podiam ter criado maior perigo por Nycole, aos 28', que, ao segundo poste, cabeceou fraco na direção da guardiã contrária. A primeira grande oportunidade de golo surgiu por Catarina Amado, aos 30'. A lateral-direita soltou-se na direita e, já na área, puxou a bola para o pé esquerdo e rematou ao primeiro poste para defesa apertada de Daphne van Domselaar. Estava dado o mote para a forte reação coletiva das Inspiradoras. Cerrando fileiras, as benfiquistas começaram a sobrepor-se no encontro.

GOLO: 1-0

A guarda-redes neerlandesa voltou a brilhar aos 41', num remate forte de Cloé Lacasse à entrada da área. O Benfica reagiu bem ao domínio das visitantes nos primeiros 35', sublinhe-se. E a avançada canadiana voltou a mostrar as suas qualidades em cima do intervalo. Uma arrancada da direita para o meio e um disparo forte ao primeiro poste abriu o marcador (1-0), aos 43', colocando o Benfica na frente da eliminatória. Foi o golo 700 da história da equipa em jogos oficiais!

RESUMO DA 1.ª PARTE

O Benfica não poderia ter começado melhor a segunda parte, que acabou por ser arrasadora para gáudio dos Benfiquistas. Cloé Lacasse, mais uma vez, em velocidade, esburacou a defesa visitante pelo lado direito e assistiu Nycole, que não perdoou, aos 47', fazendo o 2-0.

GOLO: 2-0

Sem tempo para respirar, as neerlandesas assistiram ao vendaval encarnado! Aos 50', o 3-0! Cloé Lacasse, lançada em velocidade por Nycole, bateu a central contrária, ladeou a guardiã e disparou rasteiro para a baliza deserta.

GOLO: 3-0

O Benfica manteve a postura e, num rápido contra-ataque conduzido por Valéria, Cloé Lacasse apontou o quarto golo das encarnadas no encontro (4-0), deixando a decisão da eliminatória encaminhada aos 72'.

GOLO: 4-0

Com o quarto golo do Benfica, as poucas dúvidas que pudessem existir quanto ao desfecho do encontro dissiparam-se. Contagiadas pelo apoio dos 627 espectadores presentes no Benfica Campus e baixando o bloco, as Inspiradoras mantiveram a consistência defensiva e aproveitaram os espaços concedidos pelo bloco mais recuado da formação dos Países Baixos. As melhores oportunidades no jogo continuaram a ser do Benfica, que, por Marta Cintra, aos 86', esteve perto do quinto golo: o tiro embateu no poste!

O Benfica ultrapassou assim o Twente, garantindo uma inédita presença na fase de grupos da Liga dos Campeões feminina, onde estão as melhores 16 equipas da Europa. Segunda-feira, às 12h00 de Portugal Continental, o Benfica conhecerá os adversários na próxima fase da competição.

DECLARAÇÕES

Filipa Patão (equipa técnica do Benfica): "É um sonho de criança! O Benfica é grande e merecia isto, as jogadoras merecem isto pelo trabalho que fizeram até hoje, e esta massa associativa foi extraordinária. Os Benfiquistas foram o que nós precisávamos, a força extra para desbloquearmos o jogo. Quando disse às jogadoras que tínhamos uma força extra e que era isso que nos faltava, elas compreenderam e deram uma resposta magnífica. A nossa estratégia estava muito bem delineada desde o início. Sabíamos que não iríamos ter capacidade para pressionar o adversário durante 90 minutos, e também sabíamos que o Twente iria entrar forte. Se tentássemos pressionar no início do jogo com as linhas mais altas, podíamos sofrer algumas bolas nas costas complicadas de anular. Baixámos o bloco num primeiro instante para perceber que modificações poderia haver na forma de jogar do adversário. Quando nos sentimentos confortáveis no jogo, começámos a subir o bloco, a pressionar, a ter mais bola e a fazer o que estas jogadoras tão bem sabem, com qualidade nas transições e na organização ofensiva. Elas foram irrepreensíveis. Foi à Benfica! As jogadoras não sentiram a pressão, sentiram a responsabilidade, estiveram concentradas desde o início e deram uma resposta magnífica. Só tenho de lhes dar os parabéns, dar os parabéns à massa associativa pela ajuda, e é o de sempre: 'Ama o Benfica e nada te faltará!'"

Cloé Lacasse (avançada do Benfica): "É um momento indescritível! Tínhamos pela frente um adversário muito forte, marcámos um golo na primeira parte e depois conseguimos marcar três no segundo tempo. Tivemos aqui uma atmosfera fantástica, os adeptos do Benfica foram incríveis durante todo o jogo. Estamos muito felizes por fazermos história pelo Benfica. Sabíamos que se ganhássemos continuávamos em prova. Trabalhámos muito para isto, conseguimos e queremos continuar a crescer. Este foi um dos melhores jogos da minha carreira!"

Pauleta (média do Benfica): "É um momento de muita alegria. Era um dos grandes objetivos da época e conseguimos cumpri-lo com muita qualidade. Tínhamos a casa cheia, e poder oferecer isto aos adeptos é um sentimento gigante. Vamos guardar para a vida toda, é histórico para o Clube, para nós e para os adeptos, que mereciam uma alegria destas. A eficácia foi um dos fatores que conseguimos melhorar da primeira para a segunda mão. No primeiro jogo tivemos algumas oportunidades, podíamos ter feito golos e acabámos por empatar [1-1]. Neste jogo conseguimos aproveitar muito bem as nossas oportunidades. Percebemos que precisamos de ser muito mais agressivas nesta competição para chegar à baliza, e a equipa teve essa agressividade para ganhar um jogo destes."

Benfica-Twente
4-0
Campo n.º 1 do Benfica Campus
Onze do Benfica
Letícia, Catarina Amado, Sílvia Rebelo, Carole Costa, Lúcia Alves, Andreia Faria (Christy Ucheibe, 76'), Pauleta, Beatriz Cameirão (Francisca Nazareth, 76'), Ana Vitória (Maria Negrão, 83'), Cloé Lacasse (Marta Cintra, 83') e Nycole (Valéria, 63')
Suplentes
Carolina Vilão, Adriana Rocha, Matilde Fidalgo, Ana Seiça, Carolina Correia, Marta Cintra (83'), Maria Negrão (83'), Christy Ucheibe (76'), Daniela Santos, Madalina Tatar, Francisca Nazareth (76') e Valéria (63')
Ao intervalo 1-0
Golos do Benfica
Cloé Lacasse (43', 50' e 72'), Nycole (47')

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 10 de setembro de 2021

Patrocinadores Futebol Feminino


Relacionadas

Futebol feminino

Não faltam incentivos!

SL Benfica e Chelsea FC discutem a 1.ª mão dos 16 avos de final da Liga dos Campeões feminina 2020/21 às 15h00 de quarta-feira. Depois das palavras ambiciosas de Luís Andrade, Sílvia Rebelo e Pauleta, o treino desta manhã ficou marcado por incentivos muito especiais. Luís Filipe Vieira e Jorge Jesus estiveram no Benfica Campus, um momento importante... | Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar