Reportagem

17 setembro 2021, 17h26

Casa Benfica Vila Viçosa

REPORTAGEM BTV

O programa da BTV "Pelas Casas do Benfica" viajou até ao Alentejo e assentou arraiais em Vila Viçosa. A Casa do Benfica nesta localidade foi inaugurada em 1999 e tem um importante papel social e desportivo junto da população.

Com cinco elementos na direção – um presidente e quatro vice-presidentes –, a embaixada n.º 115 do Clube é gerida há cerca de três anos por José Galhardas, que ocupou o lugar de João Alegrias, fundador e primeiro presidente do espaço.

Pelas Casas do Benfica

À BTV, José Galhardas começou por revelar como foi superada a pandemia da COVID-19 e o confinamento que a mesma trouxe.

"A Casa não é muito grande, é pequena, mas é animada. Durante o confinamento tivemos muitas dificuldades, estivemos fechados algum tempo. Conseguimos levar isto a bom porto com a ajuda de várias pessoas, amigos da Casa", referiu.

Com as restrições a terminarem de forma gradual, os Benfiquistas regressaram à Casa Benfica Vila Viçosa, nomeadamente em dia de jogo da equipa principal de futebol.

"Em relação ao regresso… as pessoas já tinham saudades de assistir aos jogos do Benfica na Casa. Gostam de cá vir, as refeições são boas e o espaço é útil para as pessoas que vêm cá. A equipa estar a jogar bem, as pessoas gostam", confirmou.

Ainda há algumas limitações no acesso ao espaço, mas, mesmo não sendo muito grande, a Casa "tem capacidade para 50/60 pessoas".

"Sem restrições, a Casa tem capacidade para 50/60 pessoas. No restaurante da Casa, nos convívios da pesca, já cá tivemos 40/45 pessoas", revelou José Galhardas.

Pelas Casas do Benfica

Tobias Serrano é um dos vice-presidentes da Casa Benfica Vila Viçosa. Recordando os momentos mais emblemáticos da embaixada, não hesitou…

"Os momentos mais marcantes desta Casa têm que ver com os jogos do Benfica. Sempre que a equipa joga – e joga bem – é uma grande alegria. Fazíamos excursões. Nos últimos dois anos não foi possível, mas esperamos voltar a fazer. Temos convívios, jogos da malha e participamos nas atividades da Câmara Municipal de Vila Viçosa. Esperamos que a vida volte ao normal para regressarmos às nossas atividades", desejou.

Pelas Casas do Benfica

Tal como Tobias Serrano, também Carlos Ventura ocupa, há três anos, um dos lugares nos Órgãos Sociais da Casa.

"Estou aqui há três anos e somos cinco elementos: o presidente e quatro vices. Vamo-nos organizando e fazendo tudo o que está ao nosso alcance o melhor possível. A equipa é forte, por isso aceitei o convite. É uma equipa à Benfica", começou por elogiar.

"Procuramos, sempre, resolver os problemas que apareçam, nomeadamente os financeiros. Não temos podido fazer os nossos convívios e as nossas festas. À frente da Casa temos um largo em que fazemos eventos. O espaço é agradável e, juntamente com o Município, fechamos a rua e o largo fica muito acolhedor", afirmou.

Muito vocacionada para atividades de lazer e desporto, a Casa Benfica Vila Viçosa investe em três modalidades com potencial de crescimento na região.

"Ultimamente, a Casa tem tido a modalidade de futsal. Desde os Sub-10 aos Sub-15. A Casa patrocina e fazem-se torneios de verão de futsal. Para além disso, temos o concurso de pesca desportiva e o BTT", destacou Carlos Ventura.

Pelas Casas do Benfica

João Alegrias foi o fundador da Casa Benfica Vila Viçosa. Mesmo com melhoramentos e aumento, o espaço é o original desde a inauguração.

"A Casa do Benfica nasceu praticamente no dia 1 de abril de 1999. Eu e um grupo de amigos andávamos à procura de um espaço para termos a Casa do Benfica. Arranjámos o espaço onde estamos hoje. É o mesmo, mas foi aumentado. A Casa foi fundada a 13 de setembro de 1999 e inaugurada a 25 de setembro de 1999, com o José Augusto na cerimónia de abertura", recordou.

"Estive 20 anos como presidente da Casa. Saí quando o José Galhardas entrou. Um momento marcante foi a inauguração oficial a 18 de maio de 2002, com o Presidente da altura, Manuel Vilarinho. Fui recebido nos Paços do Concelho com todas as honras pelo presidente Manuel Condenado", acrescentou.

Pelas Casas do Benfica

Ao programa "Pelas Casas do Benfica", Manuel Condenado, presidente da Câmara Municipal de Vila Viçosa, elogiou o papel do espaço de benfiquismo na localidade e junto da população.

"A Casa do Benfica enriqueceu a nossa vida social. Temos, com a Casa do Benfica, uma relação bastante fluída e de colaboração mútua. Nós apoiamos as atividades da Casa do Benfica e a Casa responde sempre de forma positiva quando chamada a participar nas atividades da Câmara. Estas instituições são escolas de cidadania, e a Casa do Benfica está no topo", reconheceu o autarca.

Texto: Marco Rebelo
Fotos: SL Benfica
Última atualização: 17 de setembro de 2021

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar