Futebol

27 outubro 2021, 23h32

Jorge Jesus

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

Jorge Jesus lamentou a incapacidade da sua equipa para segurar a vantagem de dois golos que construiu no decurso do V. Guimarães-Benfica, jogo da 2.ª jornada do grupo A (fase 3) da Taça da Liga. Mas, mesmo assim, o técnico do Benfica encontrou aspetos positivos da noite de Guimarães, como a "resposta" dada por atletas com menos minutos, que mantém as aspirações intactas na prova.

O treinador apontou a perda de intensidade dos seus jogadores no decurso da segunda parte como um dos aspetos que levou ao empate (3-3) final, juntando-lhe também o facto de algumas referências no setor intermediário se terem desvanecido com o passar dos minutos. Ainda assim, ficaram elogios a atletas como Gonçalo Ramos, Pizzi e Nemanja, isto olhando para o futuro, onde o calendário impõe jogos a cada três dias.

V. Guimarães-Benfica, Taça da Liga

Grande jogo e "sem tretas"

"Foi um excelente jogo entre duas equipas que queriam ganhar, mas o Benfica a vencer por 0-2 ou 1-3, seja com que adversário for, não pode deixar-se empatar. O conteúdo do jogo defensivo do Benfica é muito forte. Não é muito normal haver seis golos num jogo, mas já tinha a ideia que eram duas equipas que queriam fazer golos. O Vitória de Guimarães e o Benfica jogaram futebol, não houve jogadores no chão, isto é que é jogo, e foi um excelente jogo. Não houve jogadores do Benfica a fazer antijogo, nem do Vitória de Guimarães. Foi um jogo intenso, não houve tretas e as duas equipas jogaram sempre na defesa da vitória e do espetáculo."

V. Guimarães-Benfica, Taça da Liga

Vantagem era para manter

"Se fazemos três golos, temos de sair com uma vitória deste jogo. Mas não conseguimos segurar essa vantagem. Faltou-nos intensidade na última meia hora. As modificações não ajudaram muito. O Diogo Gonçalves e o Rafa não conseguiram entrar no jogo. Na segunda parte não fomos tão fortes como na primeira, alguns jogadores que não têm jogado tanto tiveram falta de intensidade para acompanhar os jogadores do Vitória de Guimarães. O nosso adversário fez muito para empatar, e o Benfica devia ter capacidade para segurar o resultado e não teve. É verdade que o terceiro golo do Vitória de Guimarães foi em fora de jogo e houve um penálti sobre o Gonçalo Ramos, mas foi um grande jogo."

As respostas positivas...

"Vi coisas muito interessantes. Jogadores que disseram 'presente' ao treinador. O Gonçalo Ramos fez um grande jogo, o Nemanja voltou a dar boas indicações e o Pizzi enquanto teve capacidade física também esteve muito bem. Isto é importante numa altura em que temos jogos a cada três dias e terá de haver rotação da equipa."

Só faltou o golo a Gonçalo Ramos

"É um jogador com muita mobilidade! Gostei muito do jogo que fez pela mobilidade e entrega à equipa em momentos defensivos. Merecia o golo, mas não fez! É verdade que sofre uma grande penalidade, e numa das últimas jogadas do jogo fez tudo bem, ia assistir o Yaremchuk, era um passe de um grande jogador... Deu muito boas indicações."

V. Guimarães-Benfica, Taça da Liga

Nemanja voltou a agradar

"Jogou sobre a direita [como ala]... a sua contratação já foi a pensar também nessa possibilidade. É um jogador que já jogou mais vezes assim na seleção da Sérvia. Também com o Vizela jogou nessa posição e voltou a dar boas indicações. Fez um grande golo, mas tive de o tirar porque fisicamente estava esgotado. Pode jogar no corredor direito ou esquerdo, num 4x3x3, 3x4x3, 4x4x2, mas penso que joga muito melhor no lado direito."

Confiança para o SC Covilhã

"Queríamos vencer em Guimarães. Mas o que conta é que ainda temos uma palavra a dizer, dependemos de nós frente ao SC Covilhã. Ainda temos as nossas oportunidades, mas deveríamos ter saído de Guimarães com a vitória. Podemos fazer os mesmos pontos do Vitória. Vamos agarrar essa hipótese e pensamos que temos capacidade para ganhar ao SC Covilhã no nosso Estádio."

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: Isabel Cutileiro / SL Benfica
Última atualização: 27 de outubro de 2021

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Futebol

Presidente Rui Costa: conferência de Imprensa

Na Sala de Imprensa do Estádio Nacional, o Presidente do Sport Lisboa e Benfica, Rui Costa, falou detalhadamente sobre os contornos singulares do desafio B SAD-Benfica, da 12.ª jornada da Liga Bwin, um jogo que o árbitro Manuel Mota deu por terminado ao minuto 48, porque a equipa da casa não tinha um mínimo de sete jogadores em campo.

Futebol

Juvenis B visitaram Casa São Francisco de Assis

A equipa de Juvenis B do Benfica visitou na manhã deste sábado, 27 de novembro, a Casa São Francisco de Assis (Casa do Gaiato), onde fez uma doação de vestuário e de uma bola autografada por todos os elementos. A iniciativa está inserida no projeto "Ligação à Comunidade", sendo que atletas como Francisco Neto e Diogo Rocha, acompanhados por Rita Ferreira, do Departamento de Formação Pessoal e Social, e o psicólogo Ricardo Esteves, tiveram oportunidade de conviver e trocar experiências com utentes da instituição.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar