Basquetebol

19 janeiro 2022, 22h57

Travis Munnings

RESUMO DO JOGO

O Pavilhão Fidelidade recebeu o dérbi europeu entre as equipas de basquetebol do Sport Lisboa e Benfica e do Sporting, da 3.ª jornada da 2.ª fase do grupo K da FIBA Europe Cup, que caiu para os verdes e brancos, por 64-72. 

Bancadas bem compostas e apoio incessante dos Benfiquistas a motivar os comandados por Norberto Alves, que entraram com uma defesa muito agressiva, que não permitia penetrações ao Sporting, junto a elevada eficácia de lançamento e superioridade na luta das tabelas. No final do 1.º quarto, o Benfica estava na frente, por 22-11. No 2.º quarto, a entrada não foi tão boa, com vários turnovers e erros que permitiram contra-ataques aos verdes e brancos, e um parcial favorável de 0-10. O ataque dos encarnados sentiu dificuldades no jogo interior devido à defesa aguerrida do Sporting, que, assim, aproveitou para passar para o comando do resultado a meio do 2.º quarto. O dérbi chegou ao intervalo com o resultado de 30-35 favorável aos leões. 

RESUMO DA 1.ª PARTE

O Benfica veio melhor para a etapa complementar, com dinâmicas ofensivas que davam pontos e domínio nos ressaltos. Ainda assim, o Sporting não desarmava, não permitia aproximações pontuais e ainda aproveitava que o tiro exterior das águias não caía. Norberto Alves foi obrigado a pedir desconto de tempo e este surtiu efeito, pois o parcial de 12-3 colocou o resultado do 3.º quarto num empate: 48-48. O dérbi estava vivo e o 4.º quarto foi a prova. Sporting voltou a distanciar-se, mas o Benfica ainda tinha uma palavra a dizer. Triplos a cair e a defesa a funcionar colocaram os da Luz na frente aos 60-59. Todavia, o jogo não estava ganho e a incerteza manteve-se até ao fim, com os verdes e brancos a levarem a melhor, por 64-72.    

O Benfica vira-se agora para a Taça Hugo dos Santos que decorre neste fim de semana, no Pavilhão Multiusos de Sines. Na meia-final, as águias medem forças com a Oliveirense. 

Dérbi

DECLARAÇÕES

Norberto Alves (treinador do Benfica): "Penso que em relação ao último jogo, e apesar de ser uma semana quase sem treinar por causa da COVID-19, em termos de atitude não posso apontar nada aos jogadores. Dificuldades em termos físicos e não foi por acaso que baixámos no 2.º quarto e na parte final do jogo. Más decisões que resultam em muitos turnovers, 29, que é muito negativo a este nível. Estes números finais não refletem o que foi o jogo. Temos de aprender com isto e saber lidar mentalmente com jogos muito físicos para podermos vencer."

Dérbi

Benfica-Sporting
64-72
Pavilhão Fidelidade
Cinco inicial do Benfica
José Barbosa, Frank Gaines, Betinho Gomes, James Farr e Makram Ben Romdhane
Suplentes
 Travis Munnings, José Silva, Eduardo Francisco, Guilherme Saiote, Arnette Hallman, Dennis Clifford e Broussard
1.º quarto 2.º quarto 3.º quarto 4.º quarto
22-11 30-35 48-48 64-72
Marcadores do Benfica
Broussard (10), Frank Gaines (9), James Farr (9), José Silva (9), Dennis Clifford (8), Makram Ben Romdhane (8), Travis Munnings (5), Betinho Gomes (3) e José Barbosa (3)

Texto: Marco Rebelo
Fotos: Cátia Luís / SL Benfica
Última atualização: 19 de janeiro de 2022

Patrocinadores Basquetebol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar