Futebol

05 fevereiro 2022, 09h30

Rafa é o rei das assistências da Liga Bwin

Lateral-esquerdo Neto Borges tem sido um dos mais influentes na equipa do Tondela

Em busca da vitória, o Benfica desloca-se ao terreno do Tondela nesta segunda-feira, 7 de fevereiro, às 19h00, no Estádio João Cardoso, em jogo referente à 21.ª jornada da Liga Bwin.

O Benfica procura reagir à derrota (1-2) averbada em casa frente ao Gil Vicente na última jornada. De visita a Tondela, terá por diante uma equipa que vem moralizada pelo triunfo fora de portas, no Algarve, perante o Portimonense, por 1-2. Os três pontos permitiram à formação beirã afastar-se da linha de água, somando 20 pontos, mais três que o Famalicão, emblema que se encontra precisamente no posto que obriga a um play-off com o terceiro classificado da Liga 2. Mais abaixo estão Moreirense e B SAD com 16 e 12 pontos, respetivamente. Lembre-se ainda que os tondelenses estão nas meias-finais da Taça de Portugal, onde irão defrontar o Mafra.

Benfica-Gil Vicente 20.ª jornada Liga Bwin

Este Tondela, diga-se, é, a par do B SAD, a formação com mais derrotas na competição, 12 até ao momento, e das que menos empates averbaram, somente dois, tal como os três da frente. Os comandados de Pako Ayestarán, antigo preparador físico do Benfica na equipa técnica liderada por Quique Flores em 2008/09, perderam na primeira volta no Estádio da Luz por 2-1, com golos de Salvador Agra para os visitantes e de Rafa e Gilberto para o Glorioso, este último aos 88 minutos, consumando a reviravolta no marcador iniciada pelo rei das assistências da presente Liga.

Salvador Agra

O Tondela, que marcou nos últimos cinco jogos do Campeonato, tendo perdido com o Vizela, ganhado a Moreirense e Portimonense, e empatado com Boavista e Santa Clara, alinha em 4x2x3x1 e no último encontro em Portimão apresentou o seguinte onze: Trigueira, Tiago Almeida, Eduardo Quaresma, Sagnan, Neto Borges, Iker Undabarrena, Pedro Augusto, Rafael Barbosa, Javier Avilés, Salvador Agra e Daniel dos Anjos.

Certas são as ausências de Pierre Sagnan, Pedro Augusto e Rafael Barbosa, todos a cumprir um jogo de suspensão, além de Tiago Dantas, médio emprestado pelo Benfica.

Refira-se que Benfica e Tondela já se defrontaram por 13 vezes, com as águias a somarem 11 vitórias (85%), um empate (8%) e uma derrota (8%). Destes, sete desafios foram no Estádio da Luz e seis no Estádio João Cardoso, onde o Benfica venceu todos os jogos disputados.

Darwin

João Pedro e Darwin são os goleadores das duas formações, com o médio da casa a destacar-se na conversão de grandes penalidades, já que bateu com sucesso sete das oito que a equipa teve na competição. Em golos, o Benfica superioriza-se, tendo como elementos determinantes o internacional uruguaio, melhor marcador da Liga, assim como Rafa, homem que conta com 15 assistências, liderando neste parâmetro.

Golos e
assistências
Tondela Parâmetros Benfica

7
João Pedro

Mais golos 15
Darwin
28 Total
de golos
53
8 Golos
de penálti
2
5 Golos
de cabeça
9
10 Golos
de pé esquerdo
14
13 Golos
de pé direito
29
5
Neto Borges
Mais
assistências
15
Rafa
18 Total de
assistências
42

Rafa

Elemento fundamental no ataque do Tondela, Salvador Agra é o que mais remata, mais cruza e ataca entre os beirões, enquanto João Mário, nos cantos, e Grimaldo, nos cruzamentos, juntam-se a Darwin e Rafa, ainda que num segundo plano, aos atletas que mais procuram ferir os oponentes.

Outros dados
individuais
Tondela Parâmetros Benfica

33
Salvador Agra

Mais remates 40
Darwin
28
João Pedro
Faltas
cometidas
30
Weigl
51
Salvador Agra
Cantos 53
João Mário
34
Salvador Agra
Cruzamentos 57
Grimaldo
86
Salvador Agra
Ataques 117
Rafa
60
Trigueira
Defesas 48
Odysseas
1
Salvador Agra

Remates
aos postes

3
Gonçalo Ramos

Weigl

Mais rematadora, a equipa do Benfica domina em todos os parâmetros, em número de remates à baliza, ao poste, para fora e dentro da área, com exceção aos remates fora da área. O Tondela fez, até ao momento, na Liga, mais três remates de longe do que os encarnados, segundo os números oficiais da competição.

Remates
Tondela Parâmetros Benfica

180

Remates 279
49 Remates
na baliza
72
3 Remates
ao poste
12
59 Remates
para fora
85
96 Remates
na área
198
84 Remates
fora da área
81

Benfica-Gil Vicente 20.ª jornada Liga Bwin

Defensivamente, o Tondela tem revelado fragilidades e os números mostram isso mesmo. A formação beirã apresenta-se como a defesa mais batida da Liga, com 40 golos sofridos, contra os 18 consentidos pelo Benfica, a terceira melhor equipa neste aspeto. Os comandados de Nélson Veríssimo ganharam mais bolas, perderam menos e tiveram mais remates intercetados do que o rival de segunda-feira, 7 de fevereiro.

Defesa
Tondela Parâmetros Benfica
40 Golos
sofridos
18
0 Autogolos 1
763 Bolas
ganhas
868
915 Bolas
perdidas
869
39 Remates
intercetados
55

benfica-moreirense-18-jorada

Olhando para o modo como as duas equipas atacam pelos flancos, os números mostram-nos duas tendências distintas. O Tondela cruza menos pelo lado esquerdo, tal como o Benfica, mas a eficácia dos homens de Pako Ayestarán é superior à do Benfica, com um aproveitamento de 24,65%, fruto dos 18 cruzamentos bem-sucedidos em 73 tentativas, enquanto as águias destacam-se no flanco oposto, com 28,08% de aproveitamento (50 cruzamentos bem-sucedidos em 178 efetuados).

Ataque
Tondela Parâmetros Benfica

172

Total de
cruzamentos
318
73/18 Cruzamentos
pela esquerda
/com sucesso
140/25
99/18 Cruzamentos
pela direita
/com sucesso
178/50
Sugestões de Presentes para o Dia dos Namorados.

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: Facebook do CD Tondela e arquivo / SL Benfica
Última atualização: 26 de julho de 2022

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar