Voleibol

11 fevereiro 2022, 21h43

Festejos da equipa

A equipa de voleibol do Benfica mediu forças com a AA Espinho nesta sexta-feira, 11 de fevereiro, na região norte do País, em encontro a contar para a 9.ª ronda da 2.ª fase, Série A, do Campeonato Nacional. Triunfo taxativo por 0-3!

Vindas de uma noite europeia desfavorável frente ao Zenit (0-3), as águias concentraram-se então no Campeonato Nacional onde, no espaço de três dias, disputam duas partidas. O Benfica é 2.º classificado na prova e, numa fase muito competitiva da época, o principal objetivo é não perder pontos e chegar ao topo da tabela.

Entrada fortíssima dos anfitriões, com Marcel Matz a pedir time out para reorganizar as tropas, num momento em que eram quatro os pontos a separar as equipas (10-6). As águias aproximaram-se, é certo, mas a AA Espinho manteve-se firme na dianteira, com o serviço assertivo e o bloco a fazerem a diferença neste período. Empate aos 15-15, e cambalhota no marcador aos 17-18, com os encarnados a passarem para a frente. Motivado e muito concentrado, o Benfica fechou o 1.º set com um 21-25, fazendo o 0-1 no jogo.

Tiago Violas

Recomeço com as águias a entrarem agressivas e a conseguirem uma vantagem inicial de três pontos, com o serviço a ser determinante e o side out do adversário anulado. Superiores em todos os aspetos do encontro, e sem permitirem veleidades, os encarnados foram cavando uma larga distância, voando para uns esclarecedores 14-25 e o 0-2 no encontro.

Início de 3.º set equilibrado, com os homens da casa a tentarem reagir… Empate aos 15 pontos,  mas o Benfica reorganizou-se, e apesar da resposta do adversário, que lutou sempre até ao fim, mostrou ao que ia e, com muita vontade, fechou o jogo num firme 0-3, após um 20-25 no parcial. Missão cumprida, numa partida marcada pela estreia oficial de Carlos Puron, jogador da equipa Sub-21.

Segue-se a receção ao Esmoriz na jornada 10 da prova, um desafio agendado para domingo, dia 13 de fevereiro, às 14h30, no Pavilhão n.º 2 da Luz.

Marcel Matz

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): "A Académica entrou bem, nós conseguimos equilibrar, eles tiveram mérito, e isso não teve nada a ver com a nossa irregularidade. Depois, arriscámos, estivemos bem, conseguimos jogar o nosso jogo e sair com a vitória."

Equipa

AA Espinho-Benfica
0-3
Pavilhão Arquiteto Jerónimo Reis
Formação inicial do Benfica
Rapha, Peter Wohlfi, André Japa, Lucas França, Aaro Nikula, Tiago Violas e Ivo Casas (L)
Suplentes
André Lopes, Bernardo Westermann, Pablo Natan, Zelão, Carlos Puron e Bernardo Silva (L)
1.º set 2.º set 3.º set
21-25 14-25 20-25

Texto: Redação
Fotos: Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 11 de fevereiro de 2022

Patrocinadores Voleibol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar