Futsal

15 fevereiro 2022, 22h53

Afonso Jesus

O Benfica empatou com o Leões de Porto Salvo nesta terça-feira, 15 de fevereiro, em jogo referente à 14.ª jornada da 1.ª fase da Liga Placard de Futsal, num encontro em que os encarnados foram penalizados pela sua ineficácia no momento de finalizar. 

Ainda não tinham decorrido 30 segundos de jogo e o Benfica já estava na frente do marcador, graças a um golo de Tayebi. Cobrança de um lançamento lateral da esquerda para o segundo poste e o internacional iraniano rematou forte e cruzado (0-1).

O Leões Porto Salvo, cinco minutos depois, conseguiu chegar à igualdade através de um autogolo de Arthur (1-1). O ascendente do Benfica no jogo, porém, não sofreu alterações.

Bruno Cintra

Os comandados de Pulpis somaram remates perigosos e Bruno Cintra, aos 15', numa transição culminada com uma finta sobre o defesa contrário e um remate forte chegou à vantagem (1-2), que se manteve até ao intervalo.

O Benfica entrou no segundo tempo dominador, à semelhança do que se viu no primeiro, e somou oportunidades de golo perdidas. Arthur, aos 24', atirou ao poste, e Hiroshi respondeu, aos 25', para uma defesa apertada de Diego Roncaglio.

Aos 32' o marcador mexeu por duas vezes. Primeiro, Afonso Jesus foi letal na área de baliza de Bebé (1-3), depois, Danny colocou de novo a diferença num golo (2-3).

Benfica-Lusitânia, 4.ª eliminatória Taça de Portugal

O Benfica deixou o jogo arrastar-se, controlando as operações, mas a três minutos do final, tapado por faltas, sentiu o crescimento da equipa da casa. Confiantes, os visitados tiveram o último minuto em vantagem numérica por expulsão de Rocha, por acumulação de cartões amarelos. 

A um segundo do final Bruno Pinto fez a igualdade (3-3). O Benfica volta a jogar este sábado, 19 de fevereiro, às 17h00, no Pavilhão Desportivo Universidade do Minho, frente ao Braga, em jogo da 16.ª ronda da 1.ª fase da Liga Placard.

Benfica-Eléctrico

DECLARAÇÕES

Pulpis (treinador do Benfica): "Em determinados momentos não fomos capazes de ampliar o marcador. No final da primeira parte tivemos três ou quatro ocasiões, no início da segunda parte também. Permitimos que o Leões Porto Salvo estivesse sempre no jogo. Não fomos suficientemente inteligentes para matar o jogo quando podíamos ter matado. Era um jogo importante, queríamos vencer num campo muito difícil como este. Temos agora outro jogo difícil com o Braga e temos jogadores com muitos problemas."

Rafael Henmi (capitão): "Faltou mais eficácia da nossa parte. Tivemos momentos de desconcentração. Temos de estar mais atentos e trabalhar cada vez mais, não temos conseguido os resultados que esperamos. Tivemos uma expulsão que favoreceu o adversário, que acabou por ser feliz."

Leões de Porto Salvo-Benfica
3-3
Pavilhão do Leões Porto Salvo
Cinco inicial do Benfica
 Diego Roncaglio, Nilson, Silvestre Ferreira, Afonso Jesus e Tayebi
Suplentes
 Martim Figueira, Rômulo, Arthur, Rafael Henmi, Rocha e Bruno Cintra 
Ao intervalo 1-2
Marcadores do Benfica
Tayebi (1'), Bruno Cintra (15') e Afonso Jesus (32') 

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: FPF e Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 15 de fevereiro de 2022

Patrocinadores Futsal


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar