Voleibol

16 fevereiro 2022, 20h54

Festejos

RESUMO DO JOGO

O Vojvodina jogou na condição de visitado no Pavilhão n.º 2 da Luz na 6.ª jornada do grupo D da Liga dos Campeões de voleibol. Em crescendo na partida, o Benfica venceu, por 1-3. 

O Benfica não entrou bem no encontro, com várias faltas na rede e a sentir dificuldades em parar o ataque do Vojvodina. Com o passar dos minutos, as águias assentaram o seu jogo, melhoraram na defesa baixa e conseguiram atacar, nomeadamente na zona central da rede, empatando o 1.º set a 12 pontos. Os sérvios não se desmontaram, mantiveram o bloco agressivo e regressaram ao comando do marcador, fechando o 1.º set com o resultado de 25-19.

O 2.º set foi bastante diferente do inicial. Benfica muito melhor a atacar e mais agressivo no serviço, dificultando a defesa e o side out ao Vojvodina. Os sérvios respondiam com ações de serviço em potência, os encarnados faziam do bloco uma parede. A vantagem benfiquista levou ao desconto de tempo por parte do técnico do Vojvodina, Slobodan Boskan, e este surtiu efeito, com o conjunto sérvio a empatar a contenda (19-19). O Benfica manteve a toada e, apesar do equilíbrio e da emoção, fechou o 2.º set, nas vantagens, por 24-26.

Vojvodina-Benfica

Início desequilibrado no 3.º set, com o Benfica a não ser eficaz no ataque e o Vojvodina aproveitava os erros encarnados para se distanciar. O treinador Marcel Matz parou a partida e as águias começaram a fazer uso da zona 4 para encurtar distâncias. Alguns erros do adversário permitiram ao Benfica ficar apenas a um ponto. Mesmo com o Vojvodina na dianteira, o Benfica não desarmava e fazia uso do bloco fora, passando para a frente aos 20-21. A reviravolta teve efeito na equipa da Luz, que não permitiu mais veleidades ao Vojvodina e ganhou o set, por 21-25.

A vencer no jogo, o Benfica entrou bem no 4.º set, com um parcial de 0-4, o que obrigou o treinador do Vojvodina a reunir as tropas. O mesmo não teve o efeito pretendido, pois as águias mantiveram-se dominantes no set, com ataques eficazes, distribuição rápida e serviços bem conseguidos, que dificultavam a receção sérvia. O Vojvodina nunca se encontrou no 4.º set e o Benfica fechou o parcial em 14-25 e o jogo em 1-3

Nesta quinta-feira, às 19h00, o Pavilhão n.º 2 da Luz recebe novo embate entre Benfica e Vojvodina, desta feita a contar para a 3.ª ronda do grupo D da Liga dos Campeões.

Vojvodina-Benfica

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): "A primeira análise é ficar feliz pelo desempenho da equipa, pela vitória na fase de grupos. Sabíamos que era difícil, mas havia equipas europeias a quem podíamos fazer frente e esta era uma delas. Foi um jogo bem disputado nos três primeiros sets. No 4.º set aumentámos o ritmo. Realçar o trabalho do Ivo Casas na receção e na organização e a entrada do Hugo Gaspar a partir do 2.º set. Conseguimos ser superiores a partir do 2.º set e merecemos a vitória. Amanhã [quinta-feira] temos mais um jogo para conseguir mais uma vitória. Neste jogo gerimos os centrais. Jogaram o Zelão, o Peter [Wohlfi] e o Lucas [França]. Fizemos rotatividade para controlar. Amanhã [quinta-feira] vamos jogar com uma equipa diferente, mas vamos lutar pelo triunfo."

Hugo Gaspar (capitão do Benfica): "Precisávamos desta vitória e de fazer um grande resultado nesta Liga dos Campeões. Estamos entre os melhores. Estamos a jogar contra as melhores equipas do mundo. Às vezes saímos frustrados por não conseguirmos, mas agora conseguimos. Estamos de parabéns! É festejar a vitória. As coisas correram-me bem. Cada jogo é um jogo. O Vojvodina vai-nos estudar, ver onde pode melhorar e onde errou. Temos de fazer o mesmo. Hoje [quarta-feira] fomos melhores, vencemos em alturas decisivas, o que nos deu força anímica para fazer um 4.º set mais tranquilo, mas isto é alto nível e inverte-se de um momento para o outro. A secção de voleibol está muito ligada aos adeptos. Prometemos, como equipa, que vamos dar o máximo e fazer bons espetáculos, independentemente do adversário."

Vojvodina-Benfica

Vojvodina-Benfica
1-3
Pavilhão n.º 2 da Luz
Formação inicial do Benfica
Rapha, Peter Wohlfi, Hugo Gaspar, Zelão, Tiago Violas, Japa e Ivo Casas (L)
Suplentes
André Lopes, Bernardo Westermann, Pablo Natan, Nikula, Lucas França e Carlos Puron
1.º set 2.º set 3.º set 4.º set
25-19 24-26 21-25 14-25

Texto: Marco Rebelo
Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 16 de fevereiro de 2022

Patrocinadores Voleibol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar